Notícias sobre o mercado imobiliário e economia Ir a idealista.pt »

comprar casa

Há cada vez mais cidadãos chineses interessados em comprar casa em Portugal.

Os cidadãos chineses que compram casas em Portugal ao abrigo do programa dos Golden Visa (Vistos Dourados/Vistos Gold) querem rentabilizar o investimento. E, em regra, estão a exigir às imobiliárias e promotores uma espécie de "renda garantida", ao longo de 5 anos, no valor anual de 6% a 8% sobre o valor de compra, com a taxa de 6% a ser a mais comum.

Notícia sobre:
Habitação

Há cinco bancos em Portugal nos quais é preferível antecipar a amortização do crédito à habitação do que esperar pelo fim do prazo contratado. Segundo um estudo da revista da Deco Dinheiros & Direitos, publicado esta quarta-feira (dia 23), esta opção é mais vantajosa no Millennium BCP, Banco Popular, Montepio, Banco BIC e Crédito Agrícola.

Opção é mais vantajosa no BCP, Banco Popular, Montepio, Banco BIC e Crédito Agrícola.
Notícia sobre:
Crédito à habitação

Os bancos de Macau estão bastante disponíveis para emprestar dinheiro a quem pretende comprar casa. Segundo dados publicados pela Autoridade Monetária de Macau (AMCM), a banca concedeu 2,5 mil milhões de patacas (226,2 milhões de euros) para efeitos de crédito à habitação em fevereiro, mais 24,2% que no mesmo período no ano passado.

A banca concedeu 226,2 milhões de euros para efeitos de crédito à habitação em fevereiro.
Notícia sobre:
Internacional
Bancos estão mais disponíveis para emprestar dinheiro para a compra de casa.

Há três anos, quando a Troika chegou a Portugal, os bancos mostravam-se muito pouco disponíveis para emprestar dinheiro para a compra de casa. A banca tinha fechado a torneira ao crédito à habitação. Hoje, apesar das condições exigidas pela banca ainda serem bastante restritivas, o cenário mudou e há luz ao fundo do túnel para quem necessita de financiamento.

Notícia sobre:
Crédito à habitação

A venda de casas em Portugal caiu 55% em 12 anos, entre 2000 e 2012. Segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), que tem por base dados da Direção-Geral da Política de Justiça, no período em causa, a região que registou a maior quebra foi Lisboa, com um decréscimo a rodar os 70%. Em situação inversa encontra-se os Açores, com descidas de 45%.

Notícia sobre:
Habitação
Mercado de arrendamento está a ganhar casa vez mais adeptos em Portugal.

Comprar ou arrendar casa? Esta é uma questão que as pessoas colocam muitas vezes. Portugal é, por norma, um País de proprietários, mas este é um cenário que parece estar a mudar, já que as pessoas começam a encarar o mercado de arrendamento de outra forma. Mas qual será a solução mais vantajosa?

Notícia sobre:
Habitação
O ano passado foi o segundo melhor de sempre desde que a mediadora opera em Portugal.

A Remax vendeu 1.876 casas nos primeiros três meses do ano, mais 54% que no mesmo período do ano passado. Destas, 21 foram transacionadas por mais de 500.000 euros, o montante permitido tendo em vista a concessão de Golden Visa. Os dados foram revelados por Beatriz Rubio, CEO da Remax Portugal, na Convenção anual da empresa, que reuniu 1.300 profissionais, durante dois dias, no Centro de Congressos do Troia Design Hotel.

Notícia sobre:
Empresas

Este gráfico mostra a evolução do preço das casas na Zona Euro e na União Europeia (UE) desde 2005. Segundo o Eurostat, no último trimestre do ano passado, o preço da habitação caiu 1,4% na Zona Euro e 0,1% na UE face ao período homólogo.

Notícia sobre:
Habitação

No quarto trimestre do ano passado, o preço das casas em Portugal subiu 1,4% face aos três meses anteriores (período entre julho e setembro), mas desceu 0,6% quando comparado com os últimos três meses de 2012. A diminuição homóloga é inferior à registada na média dos países da Zona Euro (-1,4%), mas superior à da União Europeia (UE) – preços desceram 0,1%.

Em termos trimestrais, o preço da habitação aumentou 1,4% no quarto trimestre de 2013.
Notícia sobre:
Habitação
Edmund Phelps é professor de Economia Política e recebeu o prémio Nobel em 2006.

Comprar ou arrendar casa? Esta é uma pergunta que muitas pessoas fazem? Portugal, por exemplo, é um País de proprietários, apesar de o mercado de arrendamento estar a ganhar força. Mas não é assim em todo o lado. Veja-se o caso do Nobel da Economia Edmund Phelps, que tem 80 anos e vive num apartamento arrendado. “[O culto da propriedade de uma casa] não favorece a inovação”, explicou.

Notícia sobre:
Habitação

Páginas