Notícias sobre o mercado imobiliário e economia Ir a idealista.pt »
haverá duas rotundas, uma interna, que já existe, e uma externa, que dará acesso à rua braancamp e à avenida duque de loulé
haverá duas rotundas, uma interna, que já existe, e uma externa, que dará acesso à rua braancamp e à avenida duque de loulé

marquês de pombal: novidades no trânsito arrancam domingo (fotos)

as alterações ao trânsito na rotunda do marquês de pombal e na avenida da liberdade entram em vigor este domingo (dia 16). até final de dezembro, o novo modelo de circulação no coração da capital será testado e só depois a câmara municipal de lisboa decide se o mesmo se mantém. na prática, passa a haver duas rotundas, uma interna (a que já existe) e outra externa, e a avenida da liberdade terá apenas uma faixa central para veículos particulares e outra para o transporte colectivo. o idealista news esteve no local para perceber quais são as expectativas em relação a esta mudança. as opiniões dividem-se. é preciso esperar para ver

a poucos dias do começo de uma nova vida para a “velhinha” rotunda do marquês de pombal, levantam-se algumas dúvidas quanto à funcionalidade das alterações à circulação que serão implementadas. “está tudo a correr normalmente e dentro do previsto”, conta um trabalhador enquanto se prepara para deixar um semáforo pronto a funcionar. “vai ser positivo para a cidade esta nova forma de circular na rotunda”, acrescenta

uma opinião, de resto, partilhada por manuel carvalho, taxista. “uma coisa sei. vai ser uma confusão nos primeiros tempos, sobretudo no primeiro mês, porque as pessoas vão demorar algum tempo a perceber como vai funcionar”, adianta, considerando que as alterações vão ser benéficas para quem circula de transportes públicos: “vai facilitar-nos a vida e será mais prático, porque a rotunda exterior só será usada por transportes públicos e por quem quer ir para a rua braancamp e para a avenida duque de loulé. mas só no final do período de testes poderemos fazer o balanço”

também josé domingues, motorista da carris, considera que “é preciso esperar para ver”, mas prevê, no entanto, que “a confusão deverá manter-se mesmo depois de terminado o período de testes”, caso a autarquia decida continuar com o projecto. “agora que está em obras já está a ser muito confuso, e acho que assim vai continuar. mas vale a pena tentar. se resultar será óptimo”, diz

mais crítico é o seu colega de profissão carlos cardoso, para quem estas obras não fazem sentido. “não acredito que o novo modelo de circulação vá retirar trânsito à avenida da liberdade, pelo contrário”, refere. “no fundo, trata-se, mais uma vez, de dinheiro mal gasto. são 750 mil euros [quanto custaram as obras na rotunda do marquês de pombal e na avenida da liberdade] investidos que não vão trazer resultados práticos”, lamenta o motorista da carris

mirella marson, que está sentada num banco no passeio junto à rotunda do marquês de pombal, mostra-se desiludida com o facto de o estado investir tanto dinheiro num projecto que pode não ser implementado. “estando o país a atravessar uma crise tão forte, não faz muito sentido gastar tanto dinheiro num projecto que pode depois ser anulado”. a responsável enaltece, no entanto, a preocupação em tentar retirar tráfego da avenida da liberdade, uma medida que visa diminuir a poluição. “nesse aspecto percebo perfeitamente estas obras”, conclui  

 o que vai mudar e porquê?

- haverá duas rotundas: uma interna, que corresponde à já existente e dará acesso à rua joaquim antónio de aguiar, à avenida fontes pereira de melo e à avenida da liberdade; e uma externa, que será usada também pelos transportes públicos e permitirá o acesso à rua braancamp e à avenida duque de loulé

- a avenida da liberdade terá apenas uma faixa central para veículos particulares e outra para o transporte colectivo. será permitido circular a uma velocidade máxima 50 km/hora e serão colocados semáforos limitadores de velocidade ao longo da via

- as faixas laterais da avenida da liberdade deixam de ser de atravessamento e passam a ser de trânsito local, mas não se pode atravessar a avenida. a velocidade máxima permitida será de 30 km/hora

- será possível descer a rua braancamp, o que já não acontecia há vários anos, e subir a rua barata salgueiro

- o objectivo é reduzir o trânsito na avenida da liberdade, contribuindo para a melhoria da qualidade do ar e para a segurança da circulação, separando a circulação do transporte colectivo do individual no marquês de pombal. os peões terão maior conforto para viver a avenida da liberdade e para circularem no marquês de pombal

Artigo visto em
(idealista news)
Publicidade

Comentários

Para poder comentar deves

Temos um país de iluminados! O transito que esta solução vai criar vai levar os níveis de poluição da Av. Da liberdade para todas as outras avenidas da rotunda e consegue tornar o túnel do Marques em algo completamente ineficiente, nao seria Ais lógico acabar a obra do terreiro do passo que esta naquela vergonha à 10 anos?

0 0
Gosto
Não gosto

nao ha mais nada melhor em que gastar dinheiro!??!?!

0 0
Gosto
Não gosto

sim, o terreiro do paço é que podia ser melhorado e muito!!!

0 0
Gosto
Não gosto