Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Uma viagem gastronómica pela Páscoa em Portugal

5 consejos para la web de tu inmobiliaria
Descobre os pratos típicos da Páscoa nas regiões de Portugal / Unsplash
Autor: Redação

A Páscoa está a chegar e começa um novo período no qual as famílias se juntam para celebrar e, obviamente, para comer. Se queremos viver a Páscoa ao máximo, devemos conhecer os pratos típicos preparados de norte a sul durante a Semana Santa. Por isso, preparámos-te uma viagem gastronómica, deliciosa e tradicional.

Os pratos variam de região para região, mas todos têm algo em comum: a abundância de comida e a alegria de quem os prova. Depois dos dias longos e frios do inverno, a Páscoa é o momento ideal para juntar a família ao redor de uma grande mesa e festejar o final da Quaresma. As mesas enchem-se com um pouco de tudo, desde enchidos, a licores, cordeiro, até à tradicional bola e a pratos doces.

Entra no espírito da Páscoa e descobre pratos tradicionais que tens de provar!

Minho

Cabrito assado tradicional
O cabrito assado tradicionalmente servido na Páscoa / Wikipedia
Na região do Minho, no norte do país, as celebrações giram à volta do Compasso, um grupo guiado pelo padre local, que passa por todas as casas oferecendo a benção da cruz. Os habitantes preparam muitos pratos e decoram as mesas para recebê-lo: bolas recheadas (uma espécie de pão recheado de carne e enchidos), cordeiro ou cabrito assado e o tradicional folar ou pão-doce.

Aproveita para conhecer melhor o Minho e aloja-te numa das casas anunciadas na Rentalia.

Trás-os-Montes

Folar de Chaves
Folar recheado de carne e enchidos / Wikipedia
Em Trás-os-Montes, o folar também é a estrela da festa, mas tem algo especial. Aqui, esta espécie de bolo/pão doce está recheado com carne de vitela, de frango, de coelho, com presunto e salpicão, que enriquecem a massa dando-lhe um sabor muito caraterístico. Enquanto que na maioria das cidades, como por exemplo Bragança ou Mirandela, os folares são redondos e grandes, em locais como Freixo de Espada à Cinta são mais pequenos e achatados.

Desfruta de uns dias em Trás-os-Montes num dos alojamentos anunciados na Rentalia.

Beiras

Nas Beiras, o folar é preparado com funcho e canela e decorado com ovos cozidos ou pintados com formas coloridas. Se visitamos a Covilhã, além deste pão doce, podemos provar as broinhas, os bolos de azeite e as empanadilhas da Páscoa, pequenos doces em forma de meia lua, recheados de amêndoas e nozes. Verdadeiras iguarias que não podes perder!

Nesta região, tal como em algumas zonas do Alentejo, é normal não consumir carne até ao “Enterro do Bacalhau”, que marca o final da Quaresma. Depois, a carne passa a dominar a mesa e o cordeiro ou cabrito são as verdadeiras estrelas gastronómicas.

E porque não uns dias de férias para descobrir os encantos das Beiras? Encontra o teu alojamento.

Alentejo

No Alentejo, o cordeiro e o cabrito também são os principais elementos desta época festiva e, aqui, todas as partes do animal são aproveitadas para preparar pratos deliciosos. O sangue e as vísceras são utilizados para preparar sarapatel e os miolos são considerados um verdadeiro deleite para as papilas gustativas. Também podes encontrar mesas repletas de queijadas, bolos fintos e, como é óbvio, folares.

Em Elvas também se prepara o doce pascal, um folar com forma de animais, desde lagartos a cordeiro, pintainhos e pombas, decorado com amêndoas brancas e ovos cozidos. Em Castelo de Vide têm a sua própria receita de doce tradicional, com a Boleima, uma massa doce, recheada com açúcar, canela e maçã. Também podemos encontrar folares em forma de coração, oferecidos pelos namorados ao seu ou à sua amada.

Continua a semana da Páscoa da melhor forma, com uns dias de descanso numa casa de férias no Alentejo.

Algarve

No Algarve podemos degustar quase todos os pratos que se prepararam de norte a sul, mas um deles tem uma receita alternativa muito interessante. Na região mais a sul do país, o folar foge à tradição e chama-se folar de folhas, preparado com canela, açúcar amarelo, limão e manteiga.

E, depois de tanta comida, passa uns dias de sol junto à praia num destes alojamentos.

A Páscoa por todo o país

Amêndoas doces
As amêndoas são um dos doces mais típicos da Páscoa / Pixabay
Além dos pratos típicos salgados e doces que podemos encontrar em cada região, existem pequenas tradições que são comuns a todo o país e que giram à volta de dois elementos: o chocolate e as amêndoas.

Durante a Páscoa, é normal que os pais, padrinhos e avós mimem os mais pequenos com ovos de chocolate (desde tamanhos minúsculos a ovos gigantes), figuras de chocolate, como por exemplo o famoso Coelhinho da Páscoa, e amêndoas. E, de acordo com a tradição, estas últimas deveriam ser a prenda ou o “folar” oferecido pelos padrinhos aos seus afilhados: amêndoas de qualquer forma ou variedade, desde amêndoas naturais, a cobertas de açúcar ou chocolate, recheadas, coloridas...

Se és um amante da gastronomia, prepara-te para viver uns dias de celebração e de boa comida que te deixarão a barriga cheia e feliz!