Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Truques de quem sabe para ter uma casa de luxo sem gastar muito dinheiro

Tudo se resume aos detalhes, materiais, padrões e texturas. E as pequenas mudanças fazem toda a diferença.

Photo by Sidekix Media on Unsplash
Photo by Sidekix Media on Unsplash
Autor: Redação

Não é preciso gastar uma fortuna para se ter uma casa de luxo. Tudo se resume aos detalhes, materiais, padrões e texturas, segundo os especialistas. Seguindo alguns truques de profissionais, e com bom gosto, é possível ter uma casa daquelas com a qual tanto sonhamos para viver– mas, neste caso, de olhos bem abertos. Na galeria de hoje mostrarmos-te que é possível ter espaços elegantes e acolhedores, mesmo com um orçamento mais apertado.

As decoradoras Eva Maraver e Laura Granado falaram com a revista AD España, deixando algumas dicas capazes de “fazerem milagres” em qualquer tipo de casa. Resumimos agora os truques de decoração de quem sabe. 

O luxo é (mesmo) a organização do espaço

As especialistas em decoração de interiores consideram que o luxo é mesmo o espaço, e que tudo gira em torno da sua distribuição. Por norma, sempre que há várias divisões muito pequenas, as especialistas recomendam (se possível) eliminar uma e trasformá-la numa divisão maior. Outra opção que permite “ganhar volume” é recorrer aos tetos altos.

As paredes

Para criar um ambiente especial, as especialistas apostam na escolha de uma paleta de tons claros e médios, que exigem, depois “brincar” com as texturas e alguns elementos que forneçam sofisticação. Se não houver verbas para isso, aconselham a utilização de um sofisticado papel de parede ou de uma serigrafia.

Photo by Toa Heftiba on Unsplash
Photo by Toa Heftiba on Unsplash

Devem evitar-se ainda os quadros, telas e ilustrações de “supermercado”, uma vez que a decoração será artificial e “sem sabor”. Uma boa solução, dizem, será por exemplo compor algo com fotos e ilustrações dos temas favoritos de cada pessoa e emoldurá-las.

Outra ideia das decoradores: recorrer a ilustradores que tenham peças a preços acessíveis.

Luzes e sombras

"A criação de sombras e efeitos de luz altamente contrastantes resulta numa iluminação muito sofisticada", diz Maraver. Para aprimorar esse efeito, as especialistas recomendam procurar um candeeiro de teto ou optar por uma base de lâmpada simples e barata, mas com um abajur personalizado.

Photo by Jean-Philippe Delberghe on Unsplash
Photo by Jean-Philippe Delberghe on Unsplash

Um toque de madeira

Quanto aos móveis, o ideal, segundo as decoradoras, é escolhê-los com acabamentos naturais e misturá-los com móveis auxiliares lacados. Nesse caso, deve-se garantir que sejam de alta qualidade e cores elegantes.

Os móveis em segunda mão podem também ser opção. Por exemplo, podemos utilizar numa base de madeira antiga e colocar sobre ela um tampo de mármore ou pedra, ou ainda recuperar um tampo de vidro e colocar na base um pé de latão ou bronze.

Sim às antiguidades

"Quando o orçamento é tão baixo que não podemos mudar todos os móveis, podemos encontrar pequenas peças para alcançar o efeito que estamos à procura", diz Maraver. Nesses casos, aconselha a escolha de peças de cerâmica ou investir no trabalho de artistas emergentes.

Photo by Mitch Moondae on Unsplash
Photo by Mitch Moondae on Unsplash

Estantes aconchegantes

“Forrar todas as paredes de uma sala de jantar com estantes que vão do chão ao teto e até podem ser da Ikea, dizem as decoradorras. O toque profissional pode passar por envernizá-las "com uma cor sofisticada".

Tecidos, os aliados perfeitos

Apostar em linho natual ou seda, com barras de bronze ou metal.