Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Todos os Santos ou Halloween? Capelas e conventos que metem medo

Aproveita o fim-de-semana prolongado para uma escapadela, entre as capelas e conventos mais assustadores de Portugal.

Capelas e conventos mais assustadores de Portugal
Pixabay
Autor: Redação

Todos os anos, o feriado de Todos os Santos e o Halloween andam de mãos dadas. Há quem vá de porta em porta pedir "doce ou travessura" e, outros tantos, que preferem o típico pão por Deus. Independentemente da tradição que mais gostares, que tal se este ano aproveitares o fim-de-semana grande para visitar alguns locais de Portugal?

Sem sair do tema, sugerimos-te que aproveites a data para uma escapadela de fim-de-semana pelas capelas e conventos mais assustadores do país. Faz as malas, ganha coragem e embarca numa viagem por locais que podiam ter saído de um filme de terror

  1. Capela dos Ossos, Évora
  2. Mosteiro de Santa Maria de Seiça, Figueira da Foz
  3. Convento de Mafra, Mafra
  4. Convento dos Capuchos, Sintra

Capela dos Ossos, Évora

Capela dos Ossos, Évora
Flickr/Creative commons

Famosa por ser uma das maiores atrações de Évora, a Capela dos Ossos é daquelas que nunca pode faltar numa lista de locais a visitar no Halloween. “Nós ossos que aqui estamos pelos vossos esperamos”, é a mensagem que te recebe à entrada da capela. Já te parece assustador? Ainda não viste nada...

Decorada com mais de 5 mil crânios, e outros tantos milhares de ossos, é uma capela imprópria para quem teme a morte mas ideal para quem gosta de cenários de Halloween. Digna dos melhores filmes de terror, a história desta capela assustadora também é de meter medo. Reza a lenda que, a pedido de três monges, foi construída no século XVII e, para a decoração, foram "assaltadas" várias campas dos cemitérios das redondezas. Será mesmo verdade? O melhor, é ver para crer. 

Encontra o alojamento ideal para um fim-de-semana de Halloween em Évora:

Encontra alojamentos de férias em Évora

Mosteiro de Santa Maria de Seiça, Figueira da Foz

Mosteiro de Seiça, Figueira da Foz
Wikimedia commons
Para este fim-de-semana de Halloween, rumamos agora à Figueira da Foz, mais precisamente ao Mosteiro de Santa Maria de Seiça. Mandado contruir em 1175, por D. Afonso Henriques, o mosteiro pertenceu à ordem de São Bernardo. 

Sofreu com a peste negra, que foi responsável pela morte de mais de 150 monges e funcionários. Já em 1513, a área da capela foi ampliada e, no século XVII chegou a ser considerada uma das melhores das redondezas. Hoje, está em total degradação. 

Entre as lendas e mitos associadas ao mosteiro, agora abandonado, há quem diga que se ouvem ruídos e se sentem mudanças súbitas de temperatura ao visitá-lo. Este ano, foi aprovado o projeto de reabilitação mas, até que esteja concluída a obra, será que os espíritos se manterão por perto? 

Desfruta do Halloween na Figueira da Foz e encontra alojamentos:

Encontra alojamentos de férias na Figueira da Foz

Convento de Mafra, Mafra

Convento de Mafra, Mafra
Wikimedia commons
Protagonista de Memorial do Convento, de José Saramago, o Convento de Mafra é um dos mais famosos de Portugal. Não só pela história, mas também e especialmente pelas muitas lendas a que está associado.

Quem visita o palácio diz ouvir ruídos estranhos que, ao longo dos anos, foram alvo de inúmeras explicações. De ratazanas mutantes que vivem nos calabouços, a fantasmas de antigos trabalhadores que morreram ali durante a construção do monumento, certo é que são várias as teorias que indicam que o convento está assombrado

Sejam mitos ou realidade, tudo isto faz do Convento de Mafra o local ideal para um fim-de-semana de Halloween. Encontra alojamento para umas mini-férias e aproveita para conhecer a região:

Encontra alojamentos de férias em Mafra

Convento dos Capuchos, Sintra

Convento dos Capuchos, Sintra
Wikimedia commons

Também conhecido com Convento de Santa Cruz da Serra ou Convento da Cortiça, o Convento dos Capuchos, em Sintra, quase não se consegue distinguir da natureza. Uma vez que se encontra totalmente camuflado entre penhascos e vegetação. O seu estilo austero e sem quaisquer vestígios de luxo ou conforto, provoca arrepios e torna-o no local perfeito para visitar no fim-de-semana de Halloween

Construído em 1560, o convento era habitado pela Ordem dos Frades Franciscanos que, em nome da religião, viviam aí em condições extremas e altamente desafiantes. Um deles era Frei Honório que, segundo a lenda, um dia se cruzou com o Diabo em forma de mulher vagueando pelos jardins do convento.

A rapariga pediu-lhe que a confessasse, insistentemente sem sucesso, e o frade sentindo-se tentado pelo diabo, cobriu o rosto com uma mão e, com a outra, fez o sinal da cruz. A mulher gritou e fugiu e, ainda que não tenha chegado a pecar, Frei Honório fechou-se numa gruta, a pão e água, como penitência até ao fim dos seus dias. Será que hoje o seu espírito ainda assombra o Convento dos Capuchos? Nada como uma visita para confirmar. Reserva alojamento em Sintra e prepara-te para um fim-de-semana assustador:

Encontra alojamentos de férias em Sintra