Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Há cada vez mais portugueses a “apanhar o comboio”

Autoridade da Mobilidade e dos Transportes
Autoridade da Mobilidade e dos Transportes
Autor: Redação

O transporte ferroviário de passageiros, que conta atualmente com dois operadores – a CP-Comboios de Portugal, E.P.E (operador de capitais exclusivamente públicos) e a FERTAGUS-Travessia do Tejo, Transportes, S.A. (operador privado ao qual está concessionada a exploração do serviço na travessia do Tejo) –, está a atrair cada vez mais pessoas em Portugal.

Segundo dados que constam no relatório sobre as reclamações no Ecossistema da Mobilidade e dos Transportes, relativos ao primeiro semestre de 2019, “o número de passageiros transportados no setor ferroviário tem vindo a aumentar de forma sustentada desde 2015”, tendo atingido no primeiro semestre deste ano 80 milhões: 36,9 milhões no primeiro trimestre e 43,1 milhões no segundo. 

No semestre anterior, o último de 2018, “o número de passageiros transportados por comboio foi de 74,7 Milhões, ou seja, menos 7,1% que este semestre”, lê-se no documento, que se apoia em dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).