Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Pavilhão Azul concluído dentro de dois anos: vai receber a coleção de arte de Julião Sarmento

Novo centro expositivo está localizado em Lisboa e irá receber o acervo com cerca de 1.200 obras colecionadas pelo artista plástico.

Google Maps
Google Maps
Autor: Redação

As obras do Pavilhão Azul, localizado na Avenida da Índia, em Lisboa, deverão ficar concluídas dentro de dois anos. Este novo centro expositivo irá receber o acervo com cerca de 1.200 obras colecionadas pelo artista plástico Julião Sarmento, um dos mais internacionais artistas portugueses, que morreu esta terça-feira (4 de maio de 2021), aos 72 anos.

O Pavilhão Azul, que pertence à Câmara Municipal de Lisboa (CML), será recuperado por João Luís Carrilho da Graça. O arquiteto disse ao jornal Público que a intervenção no edifício deverá começar no final deste mês. “Penso que dentro de dois anos estará concluída. Tem três salas e trata-se de um espaço neutro, com carácter, muito focado nas obras que o Julião [Sarmento] foi colecionando. Será um pavilhão de exposições com obras da coleção e de outros artistas”, refere, citado pela publicação.

“Haverá algo do espírito dele neste museu, mas devo confessar que há uma coisa que me entristece: nunca foi concebido como um espaço de memória, mas sim como um espaço que ele poderia ver, no qual estaria presente. O Julião passou a vida a interagir com outros artistas, com os amigos”, diz ainda.

A Sérgio Mah, curador e professor, caberá a organização da exposição das obras da coleção de Julião Sarmento e de outros artistas.

Etiquetas
LisboaCMLArte