Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

merrill lynch: portugal precisa de resgate financeiro e espanha também

Autor: Redação

o bank of america merrill lynch considerou, nas suas perspectivas macroeconómicas para 2011, que portugal vai ter de recorrer ao plano de ajuda da união europeia, antevendo que o mesmo poderá acontecer com espanha. segundo o documento divulgado pelo banco, o principal problema nacional está relacionado com o sector público enquanto em espanha está centrado nos bancos

de acordo com o jornal espanhol expansión, o merrill lynch concluiu que o orçamento do estado de 2011 de portugal está na direcção correcta, mas lembrou que fazem falta medidas para reduzir a dívida pública nacional. o banco norte-americano também apontou o dedo às reformas estruturais e à produtividade

no caso de espanha, a entidade bancária refere que apesar de as "finanças públicas estarem controladas" os bancos podem vir a precisar de mais capital, um risco que pode ser transferido para a dívida pública soberana

as projecções do banco norte-americano indicam que se realmente for feito um pedido de auxílio será imprescindível haver um mecanismo adicional para alguns países, como itália e espanha, visto que a ajuda para 2011 à grécia, irlanda e portugal poderia rondar os 54 milhões de euros. em espanha rondaria os 65 mil e em itália os 207 milhões

o banco elaborou uma lista de países que têm sido firmes nas suas políticas de ajuste fiscal, como o reino unido, a irlanda, a grécia, portugal e espanha. noutro patamar estão itália, frança e alemanha, que têm medidas "mais modestas para 2011"

Artigo visto em
(Expansión)