Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

O “edifício retrete” e outros que mostram que acabar com construções estranhas na China é um fracasso

Autor: Redação

Em fevereiro, o governo chinês aprovou uma norma diretiva que pretendia que os futuros projetos urbanísticos das cidades do país deixassem de contemplar a construção de edifícios “de grande tamanho, estranhos ou fora do comum e carentes de tradição cultural”.

A ideia é que as novas construções seja, “adequadas, económicas, verdes e agradáveis à vista”. Mas a verdade é que apenas cinco meses depois estas diretrizes parecem não ter saído do papel: na província de Henan acaba de ser inaugurado um edifício de 12 andares que faz lembrar uma retrete gigante. E há mais... estes são outros edifícios chineses estranhos ou, pelo menos, excêntricos.

Edifício Loto

Hotel Tianzi Garden

Edifício Montanhoso

Especial para “Trekkies”

Hotel Sheraton Huzhou

Centro de Artes Cénicas

Piano House

Centro turístico do Grupo Wanda

Museu LiuLi

Edifício garrafa

Escritório com forma de smartphone

 

Uma “moeda envidraçada”

Trabalhar num enorme donut

Viver dentro “de uma caixa de ovos”