Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Inovação ou erro? Assim é o primeiro arranha-céus com cascata incorporada

Autor: Redação

As ideias podem dar lugar a grandes inovações ou revelarem-se autênticos desastres. Só com o tempo se saberá se a construção deste arranha-céus foi boa ou má ideia. O Liebian Building está localizado na região de Guiyang, na China, e tem uma particularidade: uma cascata com mais de 120 metros de altura. Espetacular? Talvez sim, ou talvez não.

Não é o mais alto do mundo, nem o mais alto da China, contudo este arranha-céus tem a maior cascata urbana do planeta, com uma queda de água de mais de 120 metros de altura. Um regalo para os dias quentes, e uma dor de cabeça para os dias frios – sem esquecer os custos de manutenção e as consequências para a zona envolvente.

A cascata tem um custo de cerca de 120 dólares (105 euros) por hora, para que seja possível manter a sua atividade com água reciclada. Para muitos, um custo extra desnecessário, para outros, um novo passo para a inovação.