Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Decorar uma casa pequena com estilo: 9 dicas para acertar

A primeira coisa a fazer para libertar espaço é livrares-te do que já não precisas. Mas há mais dicas para quem vive em casas pequenas.

Viver em casas pequenas
Gtres
Autor: Redação

Vives numa casa pequena e gostarias de decorá-la com estilo, mas não sabes como fazê-lo? Muitas vezes, um espaço pequeno é apenas um espaço mal organizado. No artigo de hoje deixamos-te 9 truques para mobilar uma casa pequena com bom gosto, eficiência e estilo.

1. Numa casa pequena, deita fora o que não precisas

Em primeiro lugar, pensa no que realmente precisas em casa e deita fora o que já não usas. Mesmo as casas mais espaçosas podem parecer minúsculas se estiverem atulhadas de coisas, a grande maioria das quais desnecessárias. Portanto, a primeira coisa a fazer para libertar espaço é livrares-te do que já não precisas. Se o fizeres, além de poderes colocar em prática com mais facilidade todos os truques para organizar a casa e acabar com o caos reinante, terás um ponto de partida para repensar o desenho e a distribuição da casa.

2. Racionalizar o espaço em casas pequenas

Para racionalizar ao máximo os espaços da casa, dá prioridade às divisões em que passas mais tempo, com diferentes usos - como criar um canto de leitura próximo a uma janela – e vê quais soluções se adaptam melhor às tuas necessidades e ao espaço disponível.

Racionalizar o espaço
Photo by Chait Goli from Pexels

3. Crias espaços abertos em casa

Se o teu apartamento está dividido em duas ou mais divisões pequenas, considera remover as divisórias para criar um ambiente mais espaçoso e também para promover a difusão da luz natural. Por exemplo, abrir a parede entre a cozinha e a sala ou remover algumas portas pode economizar espaço. Outras soluções são bancadas, ilhas e penínsulas de cozinha, portas de correr, divisórias de vidro que não bloqueiam a entrada de luz e podem duplicar o tamanho da divisão.

4. Luz natural em casa

O facto de uma divisão parecer mais espaçosa está diretamente relacionado com a quantidade de luz natural que chega até ele, então a fórmula é: menos paredes e mais janelas. Brinca com materiais, cores e decoração, apostando em acabamentos leves e linhas simples (cortinados, móveis, tecidos), que amplificam muito a luz.

5. Decorar a casa com cores claras

Decorar a casa com cores claras, com o branco em primeiro plano, multiplica a luz e o efeito de amplitude, por isso usa diferentes tons de branco, creme, cinza ou bege. Também podes "enganar" os olhos em termos de perspetiva e profundidade: se quiseres que uma divisão comprida pareça mais quadrada, pinta a parede do fundo com um tom aconchegante; e se quiseres que uma divisão seja oticamente mais alta, pinta o teto com uma cor mais clara do que as paredes.

Decorar a casa com cores claras
Photo by Vecislavas Popa from Pexels

6. Móveis polivalentes economizam espaço

O mobiliário polivalente nasceu para pequenos espaços. Cada centímetro conta, então vale a pena investir em móveis que cumpram mais do que uma função, como um sofá que se transforma em cama, prateleiras que funcionam como escrivaninha, mesas ou bancos intercalados com cadeiras de jantar para várias pessoas. Experimenta também móveis modulares, são baratos e flexíveis para se adaptarem a qualquer área da casa.

7. Móveis conversíveis

Uma escrivaninha ou mesa de jantar, por exemplo, são peças de mobiliário que podem encolher de tamanho quando não estão em uso, tornando-as ideais para libertar espaço, em casas pequenas. Escolhe-as redondas e com asas dobráveis. Se a sala de jantar for aberta para a sala de estar, define as diferentes zonas com tapetes.

Deita fora o que não precisas
Photo by Dayvison de Oliveira Silva from Pexels

8. Criar um mezanino

Se tens altura suficiente (mínimo de 3,5m), podes aproveitá-la para criar um quarto ou área de trabalho. E, claro, aproveitar qualquer parede livre para colocar prateleiras, cabides, mesmo em volta das portas, para guardar livros, pratos, vinis ou filmes.

9. Aproveitar os cantos da casa

Identifica os "cantos mortos" e atribui-lhes uma função, incluindo uma peça de mobiliário extra ou dando-lhes um uso diferente. Debaixo de escadas ou cantos de corredores podem ser ótimas soluções.