Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Como destralhar e manter a casa confortável: o que fazer em cada divisão

As coisas que vamos acumulando em casa comprometem o nosso conforto e bem-estar mental. Eis algumas dicas para manter os espaços organizados e arrumados.

Photo by SHOP SLO® on Unsplash
Photo by SHOP SLO® on Unsplash
Autor:

Uma recordação de viagem que já não sai da arrecadação, um tapete que está estragado, mas que ainda não deitámos fora, e assim, quase sem darmos conta, a nossa casa fica com mais e mais tralha, comprometendo o nosso conforto e bem-estar mental - essencial para encarar este segundo confinamento por causa da pandemia. Mas a tarefa de destralhar não tem de ser difícil. Em colaboração com o portal Habitissimo, deixamos-te e aqui algumas dicas de como fazê-lo, divisão a divisão.

Cozinha

Nesta divisão, a tralha costuma acumular-se nos armários, longe da vista. Mas isso significa que muitas vezes precisas de encontrar alguma coisa e tens de tirar tudo antes de a poderes usar. Neste caso, o melhor que tens a fazer é tirar tudo o que tens nos armários e avaliar objetivamente aquilo de que precisas e aquilo que usa. Se tiveres equipamentos de cozinha que não são utilizados há anos (ou que já nem funcionam), recicla-os da forma mais adequada, e faz o mesmo com copos e pratos lascados ou talheres que já viram melhores dias. Aproveita e organiza também os objetos dos armários de uma forma mais funcional, deixando as coisas de maior uso mais à mão.

Shutterstock
Shutterstock

Casa de banho

Normalmente, a casa de banho é um espaço em que existe pouca arrumação, o que pode levar a que algumas toalhas se amontoem em armários de forma inestética, ou que os teus produtos de higiene estejam sempre à vista. Tenta avaliar o espaço que tens na casa de banho e, se puderes, cria mais espaço de arrumação. Mesmo a adição de algumas prateleiras pode fazer a diferença. Depois, define aquilo de que precisa mesmo de ter nesta divisão e atribui um local específico para arrumar cada coisa. Se tiveres muitas toalhas e não te puderes livrar de nenhuma, deixeaapenas algumas na casa de banho e coloca as restantes num armário que tenhas mais livre em casa.

Unsplash
Unsplash

Sala de estar

É um dos locais onde passamos mais tempo e dos que mais gostamos de personalizar em nossa casa, com pequenos objetos decorativos e recordações. Mas uma sala demasiado atulhada não é uma sala confortável, já que compromete o espaço útil da divisão e o excesso de pequenas coisas provoca uma desorganização visual que pode ser desconcertante. Assim, retira da sala tudo o que não seja o mínimo essencial (como a mobília). Avalia as peças de decoração que tinhas e escolhw aquelas que ainda te trazem felicidade para voltares a colocar na divisão. As restantes peças podem ser guardadas, se o valor sentimental for grande, ou recicladas. Mas esta avaliação deve ser feita de forma imparcial. Não vale a pena guardar uma peça só porque um conhecido que já não vês há anos a ofereceu.

Shutterstock
Shutterstock

Quarto

O local com mais tralha num quarto é sem dúvida o armário, já que temos o hábito de adquirir novas roupas e não libertar espaço para elas no roupeiro, livrando-nos de uma peça antiga. Mas infelizmente, os armários não têm capacidade de armazenamento infinita e, por isso, todas as peças de roupa que não são usadas há anos, que já não te servem ou que já não te favorecem devem ser retiradas e doadas a instituições, se ainda estiverem em bom estado. O mesmo é válido para a cómoda e mesinha de cabeceira: tudo o que estiver a mais dentro delas, é para ir embora. Depois, apenas tens de colocar o que ficou novamente no sítio, criando um sistema de organização para que o dia a dia se torne mais fácil.

Unsplash
Unsplash

Dicas gerais

Se tens sótão, é sempre boa ideia dar uma volta por este espaço e destralhar. Mesmo que as coisas que tens nesta divisão não te incomodem no dia a dia, vai fazer a diferença. E quem sabe, talvez percebas que pode aproveitar ainda melhor o sótão e integrá-lo na casa de forma diferente, criando um quarto, uma biblioteca ou até um escritório. Falando em biblioteca, dá também uma volta aos livros que tem e vê se os quer manter a todos. Se a resposta for não, doa os teus livros a alguma instituição (ou vende-os online, se preferires). Por último, dá a volta a todos os armários que tens em casa, em quartos de hóspedes, corredor ou outros locais, e prossegue com a tua missão de te livrares de tudo o que já não usas há muito tempo.

Shutterstock
Shutterstock