Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Jogos olímpicos

Últimas notícias sobre "Jogos olímpicos" publicadas em idealista.pt/news

Assim é a nova mansão de Michael Phelps nos EUA. Custou 2,2 milhões de euros

Michael Phelps despediu-se dos Jogos Olímpicos (JO) após conquistar cinco medalhas de ouro e uma de prata no Rio de Janeiro – ao todo, desde as Olimpíadas de Atenas em 2004, ganhou 28 medalhas: 23 de ouro, três de prata e duas de bronze. Meses antes de embarcar para o Brasil, em dezembro de 2015, o nadador norte-americano comprou uma luxuosa mansão em Scottsdale, no estado do Arizona, por 2,5 milhões de dólares (2,2 milhões de euros).
Notícia sobre:

Do ouro ao abandono: 16 exemplos do que fica quando terminam os Jogos Olímpicos

Os Jogos Olímpicos (JO) são um desastre. A prova é que as 25 Olimpíadas – de verão e de inverno – realizadas entre Los Angeles 1932 (EUA) e Sarajevo 1984 (Bósnia e Herzegovina) foram deficitárias. E o cenário não mudou depois disso: em Albertville 1992 (França), Sydney 2000 (Austrália), Atenas 2004 (Grécia), Turim 2006 (Itália), Pequim 2008 (China) e Sóchi 2014 (Rússia) perdeu-se muito dinheiro, o que prejudicou os organizadores. Resta saber qual será o balanço dos JO do Rio de Janeiro 2016...
Notícia sobre:

Arrendar uma casa por 36 mil euros por dia?!... É quanto custa agora no Rio com os Jogos Olímpicos

Os Jogos Olímpicos do Brasil estão a agitar o mercado imobiliário de alto luxo no Rio de Janeiro. À beira de uma bolha especulativa, os preços de arrendamento dos apartamentos de luxo ou das moradias dispararam atingindo um patamar à volta dos 40 mil dólares (perto de 36 mil euros). O cenário é dado a conhecer por Leonardo Schneider, vice-presidente do sindicato da habitação do Rio (Secovi-RJ).

Notícia sobre:

Jogos Olímpicos: os edifícios no Rio de Janeiro que não podes deixar de ver

No dia em que arrancam os Jogos Olímpicos do Brasil, 5 de agosto de 2016, apresentamos-te um suculento resumo das construções arquitetónicas mais espetaculares que podes encontrar no Rio de Janeiro. Desde as míticas obras de Oscar Neimeyer às últimas "aquisições" de Santiago Calatrava, passando pelos museus de Arte Moderno, e como não a praia de Copacabana, não podes perder esta viagem.
Notícia sobre:

Governo japonês cancela construção do estádio dos JO Tóquio 2020 por excesso de custos

O governo japonês decidiu cancelar a construção do estádio olímpico para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 depois do projeto ultrapassar em 2.000 milhões de dólares o orçamento previsto. O Comité Olímpico Internacional iniciará um concurso internacional para a elaboração de um novo projeto em 2016.

Notícia sobre:
a piscina olímpica nos jogos olímpicos de atenas 2004

depois dos jogos, a ruína. 10 exemplos de aldeias olímpicas ao abandono (fotos)

Notícia sobre: