Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Quanto ganharam os líderes do PSI-20 em 2018?

Simon Dawson/Bloomberg
Simon Dawson/Bloomberg
Autor: Redação

O PSI-20 (Portuguese Stock Index) é constituído pelas 20 maiores empresas portuguesas cotadas na bolsa de Lisboa. Trata-se de um índice de referência do mercado de capitais português que mostra a evolução da bolsa e reflete os preços das ações destas empresas. Mas, afinal, quanto ganham os seus líderes? Mostramos-te os "encaixes" de 2018.

António Mexia – CEO da EDP e ‘Charmain’ da EDP Renováveis

  • 2.198.892 euros

Pedro Soares dos Santos – CEO e ‘Charmain’ da Jerónimo Martins

  • 1.903.500 euros

Carlos Gomes da Silva – CEO da Galp

  • 1.755.769 euros

João Manso Neto – CEO da EDP Renováveis

  • 1.468.386 euros

João Castello Branco – CEO da Semapa

  • 1.423.610 euros

Diogo da Silveira – CEO da Navigator

  • 1.138.340 euros

Miguel Almeida – CEO da NOS

  • 891.800 euros

Ângelo Paupério - Co-CEO da Sonae

  • 724.500 euros

Paulo Azevedo – Co-CEO e ‘Chairman’ da Sonae

  • 656.900 euros

Rodrigo Costa – CEO e ‘Charmain’ da REN

  • 606.567 euros

Francisco Lacerda – CEO dos CTT

  • 497.072 euros

João Borges de Oliveira – Co-CEO da Altri

  • 490.310 euros

Paulo Fernandes – Co-CEO e ‘Chairman’ da Altri

  • 490.310 euros

Alberto Teixeira – Co-CEO da Ibersol

  • 450.000 euros

António Pinto de Sousa - Co-CEO e ‘Charmain’ da Ibersol

  • 450.000 euros

Gonçalo Moura Martins – CEO da Mota-Engil

  • 421.507 euros

António Rios de Amorim – CEO e ‘Charmain’ da Corticeira Amorim

  • 359.756 euros

Luís Palha da Silva – CEO e ‘Charmain’ da Pharol

  • 343.539 euros

Miguel Gil Mata – CEO da Sonae Capital a partir de julho

  • 278.466 euros

Paulo Azevedo – ‘Charmain’ da Sonae Capital

  • 142.300 euros

João Borges de Oliveira – CEO e ‘Charmain’ da Ramada Investimentos

  • 123.000 euros