Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Sonae Sierra junta-se à APG, Allianz e Elo para investir em centros comerciais ibéricos

Nova empresa Sierra Prime inclui seis ativos nas zonas de Lisboa, Porto e Málaga (Espanha).

Centro Colombo, em Lisboa, faz parte da carteira de ativos da nova empresa / Wikipedia
Centro Colombo, em Lisboa, faz parte da carteira de ativos da nova empresa / Wikipedia
Autor: Redação

A Sonae Sierra e o fundo de pensões holandês APG decidiram vender 50% do Sierra Fund aos grupos seguradores Allianz e Elo, por 525 milhões de euros. Com a entrada destes dois novos parceiros, é criada a Sonae Prime, uma joint venture estratégica que contempla seis centros comerciais prime na Península Ibérica, que representam cerca de 380.000 metros quadrados (m2) de área bruta locável e um valor bruto, em termos de ativos, que excede os 3.000 milhões de euros (1.800 milhões de euros numa base proporcional).

O Sierra Prime inclui três ativos na área metropolitana de Lisboa – Centro Colombo, Centro Vasco da Gama e CascaiShopping, o NorteShopping, na área metropolitana do Porto, e dois ativos em Málaga – Plaza Mayor e o recentemente inaugurado McArthurGlen Designer Outlet Málaga.

Cada investidor, segundo é explicado num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), deterá 25% dos interesses económicos da joint venture, cujo horizonte temporal é de 15 anos. A Allianz Real Estate, em representação das várias companhias de seguro do grupo Allianz, e a Elo, uma empresa de seguros de pensões, adquiriram uma participação de 25% cada à Sonae Sierra e à APG.

“Esta é uma transação histórica para o mercado de imobiliário de retalho na Ibéria e para a Sonae Sierra. Estamos muito satisfeitos por dar continuidade à nossa bem-sucedida parceria de longa duração com a APG, e, simultaneamente, entusiasmados por dar as boas-vindas à Allianz e Elo ao Sierra Prime” diz Fernando Guedes de Oliveira, CEO da Sonae Sierra, citado em nota de imprensa.