Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Shoppings

Últimas notícias sobre "Shoppings" publicadas em idealista.pt/news

Alterações legislativas podem levar shoppings à falência e destruir milhares de empregos - diz APCC

A criação de um regime excepcional para que, até março de 2021, os lojistas dos centros comerciais paguem apenas a componente variável das rendas, tal como consta da Proposta de Aditamento ao Orçamento Suplementar para 2020 feita pelo PCP, coloca em causa a viabilidade dos centros comerciais e pode conduzir alguns deles à falência, defende a APCC – Associação Portuguesa de Centros Comerciais.

Notícia sobre:

ACAI contra interferência do Estado na relação contratual entre lojistas e proprietários

A Associação de Empresas de Consultoria e Avaliação Imobiliária (ACAI) considera que a iniciativa legislativa apresentada pelo PCP, que prevê a intromissão do Estado na relação contratual entre lojistas e proprietários de centros comerciais, pode pôr em risco a reputação de Portugal como país seguro para investir. A ACAI defende que a medida “criaria um precedente gravíssimo”.

Notícia sobre:

Governo aprova alteração às moratórias das rendas comerciais

O Conselho de Ministros aprovou esta quinta-feira, dia 25 de junho de 2020, uma proposta de lei, a submeter ao parlamento, que altera o regime das moratórias de arrendamento urbano não habitacional, destinada sobretudo aos operadores comerciais, em vigor no decurso da pandemia de covid-19.

Notícia sobre:

Governo reforça fiscalização nos centros comerciais de Lisboa e Vale do Tejo

O Governo vai apertar a fiscalização nos centros comerciais de Lisboa e Vale do Tejo a partir desta terça-feira (23 de junho de 2020), nomeadamente no que diz respeito ao número de pessoas a circular dentro destes espaços. Uma medida tomada na sequência do elevado número de casos de Covid-19 que se têm registado na região. Das 8.600 lojas que integram os shoppings associados da Associação Portuguesa de Centros Comerciais (APCC), 8.483 estão em funcionamento, o que significa que 99% destes espaços estão de portas abertas ao público.

Notícia sobre:

Centros comerciais da Grande Lisboa reabrem na segunda-feira - e outras novidades

Os centros comerciais da Área Metropolitana de Lisboa, à semelhança do resto do país, vão poder abrir as portas ao público a partir de 15 de junho de 2020. Também as Lojas do Cidadão têm agora luz verde do Governo para fazer atendimento presencial, a partir da segunda-feira que vem. A decisão de colocar de acabar com as restrições ao desconfinamento foi tomada esta terça-feira, dia 09 de junho de 2020, em Conselho de Ministros (CM).

Notícia sobre:

Centros comerciais da Sonae Sierra vão ter serviço gratuito de drive-in para recolher encomendas

A Sonae Sierra acaba de lançar um serviço gratuito de drive-in nos centros comerciais que gere em Portugal, para oferecer aos visitantes a possibilidade de recolherem as suas compras, sem sair do carro, depois de terem feito encomendas online ou por telefone. O novo modelo vai arrancar com 82 marcas aderentes, presentes em 143 lojas, e os pontos de recolha estarão devidamente assinalados no parque de estacionamento de cada centro comercial

Notícia sobre:

Retail parks portugueses comprados pela Mitiska REIM à Blackstone ficam sob gestão da CBRE

A CBRE assumiu a gestão de mais quatro retail parks em Portugal: o Alverca Park, o Santarém Retail Park, o Aveiro Retail Park e o Lima Retail Park, localizado em Viana do Castelo. Em causa estão ativos que foram vendidos recentemente pela Blackstone à belga Mitiska REIM. A consultora imobiliária aumenta, assim, o seu portefólio sob gestão, passando a ter seis retail parks e oito centros comerciais em todo o país. 

Notícia sobre:

Sonae Sierra junta-se à APG, Allianz e Elo para investir em centros comerciais ibéricos

A Sonae Sierra e o fundo de pensões holandês APG decidiram vender 50% do Sierra Fund aos grupos seguradores Allianz e Elo, por 525 milhões de euros. Com a entrada destes dois novos parceiros, é criada a Sonae Prime, uma joint venture estratégica que contempla seis centros comerciais prime na Península Ibérica, que representam cerca de 380.000 metros quadrados (m2) de área bruta locável e um valor bruto, em termos de ativos, que excede os 3.000 milhões de euros (1.800 milhões de euros numa base proporcional).

Notícia sobre: