Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Parque Urbano da Ribeira da Archeira vai ligar Gondomar ao Douro – obras já arrancaram

Em causa está um percurso com 2,9 quilómetros que terá “uma via pedonal e ciclovia entre a natureza”, adianta a autarquia.

Câmara Municipal de Gondomar
Câmara Municipal de Gondomar
Autor: Redação

Chama-se Parque Urbano da Ribeira da Archeira e vai ligar o centro de Gondomar (junto das piscinas municipais de São Cosme) ao rio Douro, num percurso com 2,9 quilómetros ao longo da Ribeira da Archeira. As obras, que representam um investimento de dois milhões de euros, já arrancaram – dia 15 de março de 2021 – e devem durar 12 meses.  

“(…) Será o terceiro Parque Urbano de uma rede concelhia de nove equipamentos verdes que o Executivo tem projetados para o município de Gondomar”, lê-se no site da autarquia. “(…) É o último troço de uma rede de 20 quilómetros de percursos que atravessam as freguesias de Rio Tinto, Fânzeres, Gondomar (São Cosme) e Valbom”, acrescenta a Câmara Municipal de Gondomar (CMG).

Segundo o município, o percurso alterna “zonas de bosque denso com pequenos desníveis e zonas mais planas, onde a ribeira serpenteia entre campos agrícolas” e terá “uma via pedonal e ciclovia entre a natureza”. “O novo parque urbano terá, ainda, ligação à futura interface do Metro em Valbom e à Quinta do Passal, importante infraestrutura verde do concelho”, adianta a autarquia.

A CMG considera que esta infraestrutura “reforça o número de espaços verdes no concelho” a lembra que a “aposta nestes equipamentos verdes teve início em 2019, com o Parque Urbano de Rio Tinto, ao qual se juntará, ainda este ano, o Parque Urbano de Fânzeres-São Cosme”. 

“Este ano arranca não só a construção do Parque Urbano da Ribeira da Archeira, mas também a empreitada do Parque Urbano de Gondomar. A rede incluirá ainda os parques urbanos de Ramalde (São Cosme), São Pedro da Cova, Medas, nascente do rio Torto (Baguim do Monte) e Monte Crasto”, conclui a autarquia.