Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Brasileiros escolhem Soure para construir fábrica de placas eletrónicas

Standard America quer usar Portugal como porta de entrada no mercado europeu.

rasileiros escolhem Soure para construir fábrica de placas eletrónicas
Wikimedia commons
Autor: Redação

A região centro de Portugal vai receber um novo investimento estrangeiro. Em causa está um projeto da Standard America que pretende expandir o negócio e instalar uma fábrica de placas eletrónicas em Portugal, em Soure, distrito de Coimbra. A empresa brasileira já escolheu o terreno para a construção da unidade fabril, que vai contratar entre 80 e 100 pessoas, e cujas obras deverão arrancar em outubro de 2021. Portugal servirá de base para servir todo o mercado europeu.

A empresa industrial recebeu um incentivo do Portugal 2020, no valor de 1,7 milhões de euros, a que se tinha candidato e espera ainda captar cerca de 10 milhões de euros junto de investidores privados, para construir uma fábrica em Soure. 

"É oficial: a Standard America, industrial brasileira de placas eletrónicas, com sede em Campinas (São Paulo, Brasil), finalizou todas as etapas classificatórias do projeto Portugal 2020", revelou em comunicado, dando a conhecer que tem já está a ser procurada por privados, que "sinalizam investir também" neste projeto.

A expetativa da companhia é que a fábrica de Soure esteja construída no primeiro semestre de 2022, estimando faturar 2 milhões de euros, com duas linhas de produção, no primeiro ano de operação.