Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Lisboa: capela do Palácio da Ajuda reabre ao público ao fim de um século

Autor: Redação

A capela do Palácio da Ajuda, em Lisboa, que estava encerrada desde a proclamação da República em 1910, foi inaugurada esta terça-feira (dia 15) e abre ao público quinta-feira (dia 17). As obras de recuperação custaram 70 mil euros e não houve qualquer apoio do Estado, sendo apenas possível graças a um mecenato.

Segundo o diretor do Palácio, José Alberto Ribeiro, reabrir a capela é “devolver ao olhar do público um espaço desconhecido”. O responsável adiantou que o restauro da capela “seguiu as indicações documentais de 1910, a partir dos arrolamentos judiciais [da República] do que estava em cada divisão do palácio real e é muito fiel ao que seria no final da monarquia”.

De referir que a capela do Palácio da Ajuda alberga a única tela do artista grego El Greco em Portugal, a “Santa face de Cristo”. Trata-se de um óleo datado do primeiro quartel do século XVII que foi adquirido pelo rei D. Luís, marido de D. Maria Pia.