Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Quais são os países com maior risco de bolha imobiliária?

Canadá lidera o ranking de países com maiores riscos de bolha imobiliária / Photo by Ali Tawfiq on Unsplash
Canadá lidera o ranking de países com maiores riscos de bolha imobiliária / Photo by Ali Tawfiq on Unsplash
Autor: Redação

Canadá e Nova Zelândia. Estes são os dois países que apresentam as economias mais vulneráveis a uma possível correção no preço das casas, enfrentando, por isso, um maior risco de bolha imobiliária, segundo um estudo realizado pela Bloomberg Economics. Portugal aparece na lista de 23 países do ranking, nomeadamente na 16ª posição.

O economista Niraj Shah, que elaborou uma espécie de “painel da bolha imobiliária”, estudou rácios de preços de casas e rendimentos, bem como os preços ajustados à inflação e o crédito dos particulares. Canadá e Nova Zelândia estão no caminho da bolha, mas não são os únicos. Austrália, Noruega, Suécia e Reino Unido também já fazem “soar os alarmes”, segundo o especialista.  

Bloomberg
Bloomberg

É preciso chegar ao 16º lugar da tabela para encontrar ADN português. Ainda assim, e embora o cenário não seja dos mais preocupantes no que diz respeito a uma bolha, Portugal é o país que regista o nível mais elevado entre os 22 países no indicador “preço do imobiliário”.

“Há um risco de que um alívio na política monetária global possa alimentar bolhas imobiliárias", referiu o economista. "Enquanto os banqueiros centrais estão focados em evitar uma recessão económica mundial, políticas monetárias mais flexíveis podem ser as sementes da próxima crise", rematou Niraj Shah.