Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Hora de contratar um prestador de serviços para limpar o condomínio? Guia completo

Este processo não é tarefa fácil. No artigo da Deco Alerta de hoje damos uma ajuda com tudo é preciso saber.

Photo by pan xiaozhen on Unsplash
Photo by pan xiaozhen on Unsplash
Autor: Redação

Encontrar a empresa ou a pessoa certa para fazer a limpeza do condomínio pode ser uma verdadeira dor de cabeça, quer pelo profissionalismo, quer pelo rigor que a tarefa exige. E porque muitas vezes o “barato sai caro”, é fundamental procurar um bom prestador de serviços, capaz de assegurar a regularidade da limpeza e conservação das partes comuns do prédio. Na Deco Alerta de hoje deixamos-te algumas dicas e erros a evitar na hora de tomar uma decisão.

Esta rubrica semanal é destinada a todos os consumidores em Portugal, sendo assegurada pela Deco – Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor para o idealista/news. Envia a tua questão para a Deco, por email para decolx@deco.pt ou por telefone para 00 351 21 371 02 20.

Decidimos em reunião de condóminos que a melhor solução para a limpeza do nosso prédio é contratar um serviço profissional de limpeza. Aliás, além do serviço regular de limpeza do espaço do condomínio, gostaríamos que a empresa a contratar também fizesse a manutenção de fachadas. Pedimos o vosso apoio para escolher bem esse prestador de serviços.

Contratar uma empresa de limpeza e manutenção para o condomínio obriga a uma boa pesquisa de mercado. A escolha deve ser feita com cuidado, exigindo-se rigor e qualidade. A verdade é que o nosso mercado está lotado de oferta e existe a necessidade de avaliar bem todos os serviços a prestar e os preços praticados. Portanto, há que considerar alguns critérios de modo a garantir qualidade na prestação dos serviços pretendidos.

De modo a evitar erros na altura de contratar deve assegurar-se o seguinte:

No caso de empregados de condomínio:

  • Documentação pessoal
  • Contrato de prestação de serviço
  • Referências de serviços anteriores
  • Recibo de pagamento

No caso de empresas:

  • No mínimo 3 propostas para avaliar
  • Orçamento
  • Contrato de prestação de serviços
  • Seguro de responsabilidade civil
  • Espaço físico
  • Livro de reclamações

Um dos equívocos mais comuns é o condomínio avaliar apenas o valor dos orçamentos apresentados e depois decidir-se pelo mais baix. Há que recordar que uma boa lista de prestadores de serviços faz toda a diferença no dia a dia do condomínio e no caso de acontecerem situações de emergência.

Informa-te dos teus direitos.