Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Edifício dos anos 70 na baixa do Porto convertido em habitação premium

O projeto prevê a criação de nove apartamentos de tipologias T0 e T3. Os preços dos apartamentos começam nos 158.000 euros.

Predibisa e Quintela e Penalva
Predibisa e Quintela e Penalva
Autor: Redação

Junto à icónica Avenida dos Aliados, uma zona prime da cidade do Porto, irá nascer o Almada 516. Trata-se de um edifício dos anos 70 que irá dar lugar a habitação premium, com nove apartamentos de tipologias T0 e T3, com áreas entre os 34 m2 e os 169 metros quadrados (m2). O empreendiemento está a ser comercializado pela Predibisa e Quintela e Penalva, com preços a partir dos 158.000 euros.

A localização singular do edifício, a par da qualidade do projeto, que mistura o moderno com o clássico, tornam o empreendimento numa "oportunidade para quem procura viver ou investir na baixa do Porto", segundo se lê no comunicado enviado às redações. Da autoria de Pedro Ferreira Architecture Studio, o projeto de reabilitação, cujo promotor é O’Squared Group, teve como desafio preservar a estrutura em betão e reconstruir os restantes elementos criando nove apartamentos modernos, distribuídos por cinco pisos.

Predibisa e Quintela e Penalva
Predibisa e Quintela e Penalva

Como áreas totais dos apartamentos variam entre os 34 m2 e os 169 m2, e algumas das frações posseum terraços e jardins. A fachada principal foi recuperada, tendo sido aplicadas "janelas com madeira exótica e vidros duplos, projetados elementos verdes especiais para a fachada tardoz e prestada atenção aos detalhes, mas também à funcionalidade e ao design".

Para Joana Lima, responsável da Predibisa pelo negócio, ”o edifício Almada 516 é um excelente exemplo de oferta habitacional, em pleno coração do Porto, numa zona emblemática da cidade, que mistura história com contemporaneidade.” A consultora sublinha ainda que “trata-se de um bom exemplo de reabilitação urbana de sucesso e que vem acrescentar valor à paisagem urbana da Baixa do Porto". 

“A existência de projetos imobiliários como o Almada 516 são fundamentais para a afirmação da cidade do Porto como destino turístico e residencial. A sua extraordinária localização e o cuidado que o projeto revela, em termos de acabamentos e aproveitamento de espaço interior, permitem, não só captar facilmente o interesse de investidores locais e internacionais, mas igualmente, daqueles que procuram soluções de habitação bem no coração da cidade, onde poderão beneficiar das inúmeras vantagens que só uma grande cidade pode proporcionar", acrescenta ainda Francisca Dória, responsável pela Quintela e Penalva Porto.