Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Viver em quartos partilhados: o que se pode fazer no espaço sem chatear o senhorio

Deverás ser sempre informar o senhorio daquilo que pretendes fazer, seja qual for a mudança. E pedir autorização, claro.

Photo by Filios Sazeides on Unsplash
Photo by Filios Sazeides on Unsplash
Autor: Redação

Viver numa casa partilhada evita muitas preocupações e outras despesas que acabam por estar cobertas pelo contrato de arrendamento. Ainda assim, é certo que arrendar um quarto e dividir uma casa é bem diferente do que arrendar um apartamento inteiro. Coloca-se, por exemplo, a questão das alterações. Há mudanças que podem realmente fazer-se, sem entrar em conflito com o proprietário, e outras que devem ser evitadas. Seja qual for o caso, deverás sempre informar o senhorio daquilo que pretendes fazer.

Há quartos já mobilados e decorados, e outros que são arrendados vazios. A verdade é que os quartos partilhados são sempre uma solução temporária, daí que o dono da casa possa investir menos, por exemplo, na decoração. Há, por isso, mais liberdade em mudar coisas como móveis ou acessórios mas, ainda assim, deves sempre ter em mente que aquela é a casa de outra pessoa, tal como explica o site Habitacción, que deixa algumas sugestões de alterações que, à partida, serão aceites por qualquer proprietário.

  • Mudar os móveis de sítio: se o quarto estiver mobilidade, não haverá problema e alterar a disposição da mobília, para que te sintas verdadeiramente em casa.
  • Ter ou não tapetes: esta é também uma decisão tua e relacionado com o gosto pessoal. Ainda assim, deves ter em consideração que um tapete ou carpete tem uma dupla função benéfica: a de decorar e, claro, a de proteger o pavimento.
  • Personalizar o espaço: os móveis ocupam uma grande área do quarto, e são por isso uma boa “tela” para dar mais alguma personalizada ao espaço. Desde fotografias, quadros, plantas, algumas almofadas, mantas, colchas há mil e um ascessórios que podes utilizar.
  • Dar um novo visual às janelas: poderás colocar uns cortinados novos, por exemplo, mas não deves esquecer-te de guardar os antigos para trocar quando deixares o quarto.

Se o período de arrendamento for mais longo, podes sempre pedir autorização ao proprietário para, por exemplo, pintar uma parede. Se houver uma boa relação de parte a parte, com toda a certeza o senhorio fará o possível para que te sintas mais confortável.