Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Cães e gatos felizes em casa: dicas para os amigos de quatro patas viverem melhor na pandemia

É importante manter rotinas, fazer exercício e brincar, mas também dar-lhes espaço, criando zonas de segurança.

Photo by Krista Mangulsone on Unsplash
Photo by Krista Mangulsone on Unsplash
Autor: Redação

Estar fechado em casa com os amigos de quatro de patas pode ser um desafio, sobretudo por causa da pandemia e sucessivos confinamentos. Tal como nós, os animais de estimação têm gostos e preferências, que dependem da perceção e conforto de um espaço, sendo por isso fundamental estar ciente das suas necessidades para garantir que vivem felizes e saudáveis.

A Purina reuniu um conjunto de dicas essenciais para manter o teu cão ou gato felizes, especialmente agora, que é necessário passar mais tempo em casa. Resumimos algumas das ideias a que é importante prestar atenção.

Manter a rotina

Segundo Annie Valuska, especialista em comportamento animal na Purina é importante manter a rotina do animal o mais possível. “A alimentação, o trivial, os passeios devem manter-se – sendo apenas mais curtos.” Além disso, é importante tentar dar consistência às rotinas mantendo as regras de sempre – por exemplo, manter-se sentado antes de sair pela porta.

Dar-lhe espaço e tempo

É importante não estar todo o dia na companhia dos animais de estimação. É importante dar-lhes espaço espaço e descanso ao longo do dia – porque a certa altura voltarão a ficar sozinhos durante o dia sem os donos em casa. “Não é benéfico alterar a rotina do animal com muita socialização”, explica François Martin, também especialista na Purina.

Unsplash
Unsplash

Exercício

O exercício é importante para reforçar os horários do animais. Desde as saídas às rua para passeios e libertar energia, até sessões de atividade em casa – o jogo do ir buscar, por exemplo.

Brincar

Este pode ser um bom momentos para ensinar habilidades aos teus cães e gatos, segundo os especialistas da Purina. Tudo em conta, peso e medida, claro.

Unsplash
Unsplash

Evitar grande ruído

É importante que os animais de estimação tenham tempo para descansar. E agora que passam mais tempo juntos em casa, será fundamental gerir o ruído e fazer o menos barulho possível – desde o som da TV, rádio ou música.

Unsplash
Unsplash

A relação com as crianças

Este também pode ser um bom momento para reforçar laços entre os animais e as crianças, nomeadamente para que estas entendam melhor a linguagem dos cães e gatos. Envolvê-los em brincadeiras conjuntas também sera positivo.

Unsplash
Unsplash

Manter uma dieta saudável

Os especialistas aconselham a não dar restos da comida e manter o horário de refeições dos animais tanto quanto possível.

Criar um espaço seguro

Cães e gatos precisam de sentir-se confortáveis e seguros em casa. Devem ter, por isso, um lugar especial, só seu, que toda a família respeita.

Gtres
Gtres