Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

A prisão que é (também) um zoo de animais exóticos abandonados

Autor: Redação

Tudo começou há 21 anos, quando os empregados da prisão Stock Island Detention Center, na Flórida (EUA), perceberam que uma família de patos estava quase a ser atropelada na estrada que existe junto ao centro. Decidiram então ampliar uns metros a via e construir um pequeno lago para eles.

Estes patos foram os primeiros residentes desta santuário natural gerido por pessoas em “cativeiro”. A notícia espalhou-se e começaram a chegar às instalações desta prisão animais abandonados de todo o estado da Flórida e de todo o país.

Um dos guardas da prisão, a antiga bióloga marinha Jeanne Selander, assumiu a responsabilidade de cuidar do jardim zoológico há uma década, tendo o apoio de um grupo de reclusos em quem confiou, todos com alguma experiência a tratar de animais. Na época havia apenas 25 animais, mas com o passar dos anos o número aumentou e agora há mais de 150: a maioria são animais exóticos, que podem ser visitados – na prisão – por qualquer pessoa.