Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Penthouse em Nova Iorque vendida por preço recorde de 50 milhões

O edifício The Getty, que vai nascer na zona de Chelsea  / The Getty/Victor Group
O edifício The Getty, que vai nascer na zona de Chelsea / The Getty/Victor Group
Autor: Redação

Nova Iorque continua a acumular recordes imobiliários. Desta vez as atenções centram-se no The Getty, um novo condomínio de luxo que está a ser construído junto ao Highline, na zona de Chelsea (Manhattan), onde um apartamento foi vendido por cerca de 50 milhões de euros. Ao que tudo indica o comprador será Robert F. Smith, o milionário e fundador da Visa Equity Partners em Austin, no estado do Texas.

A penthouse vendida no The Getty estabeleceu um novo recorde na baixa da cidade. Foi, aliás, a venda mais cara registada em Nova Iorque durante o mês de maio, segundo o The New York Times. Será preciso recuar a janeiro de 2014 para encontrar o recorde anterior, altura em que foi vendido um outro apartamento na mesma zona por 43,5 milhões de euros.

A gigante penthouse (vendida ainda em planta) tem nada mais nada menos que três andares e cerca de 900 metros quadrados (m2). Resultou da junção de um duplex e de um outro apartamento, contabilizando seis quartos e sete casas de banho no total. Tem ainda duas grandes salas, duas cozinhas e uma suite que ocupa um andar inteiro. Não faltará um terraço privado e piscina, claro.

O condomínio de luxo, da responsabilidade do The Victor Group e Michael Shvo, foi projetado pelo arquiteto Peter Marino, que escolheu diferentes acabamentos para cada apartamento, de acordo com o jornal norte-americano. Sabe-se ainda que o edifício deverá ainda acolher uma galeria de arte e um museu nos andares inferiores.