Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Mansão de luxo de George Clooney volta a ficar alagada depois de tempestade em Inglaterra

O rio Tâmisa transbordou e deixou o campo de ténis e grande parte dos jardins do astro de Hollywood completamente debaixo de água.

Gtres
Gtres
Autor: Redação

Pelo segundo ano consecutivo, as chuvas intensas inundaram a mansão de luxo de George e Amal Clooney em Sonning, Berkshire, Inglaterra – atingida por uma forte tempestade no final de janeiro. O rio Tâmisa transbordou e deixou o campo de ténis e grande parte dos jardins do astro de Hollywood completamente debaixo de água. O casal pagou 12 milhões de libras por este palácio georgiano do século XVII em 2014, cerca de 14,4 milhões de euros, na altura.

Se no ano passado foi a tempestade Dennis, desta vez foi Christoph que deixou estragos e causou uma dor de cabeça ao famoso casal. Desde o final de janeiro, as chuvas contínuas não param de cair nesta parte do interior da Inglaterra. Felizmente, a mansão fica num monte que impede que a enchente afete o interior da casa.

Mas praticamente toda a propriedade foi inundada até o terraço com jardim, a casa de hóspedes e a piscina aquecida. A família Clooney gastou um milhão na reforma da propriedade, que tem nove quartos, biblioteca, ginásio, spa e adega própria.