Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Os destinos mais belos e seguros da Europa para o verão de 2021

Portugal brilha nesta lista com o arquipélago dos Açores e da Madeira em destaque.

Unsplah/Freepik
Unsplah/Freepik
Autor: Redação

Quais são os melhores e mais seguros destinos na Europa para viajar este verão? A European Best Destinations compilou uma lista que responde a esta questão. Nela estão reunidos os mais belos e seguros locais para viajar, sobretudo, para quem já está vacinado, mas não só. Portugal e a Grécia estão em destaque nesta lista.

A Comissão Europeia continua a trabalhar no passaporte que certifica a vacinação contra a Covid-19. Alguns países já se comprometeram a reconhecer um certificado de vacinação e estão prontos para acolher os turistas sem restrições (sem, por exemplo, fazer quarentena à chegada).

Unsplash
Unsplash
Reconhecido como o destino mais seguro no verão passado, Tbilisi conseguiu manter-se entre os destinos menos afetados pela Covid-19. Este é o lugar perfeito para quem procura a melhor combinação entre cultura, natureza, bem-estar, história, descobertas gastronómicas ou simplesmente uma pausa para compras. Tbilissi, a capital da Geórgia, é a cidade ideal para umas férias em 2021 e é também um destino premiado, estando entre os mais visitados da Europa.

A Geórgia reagiu rapidamente e de forma positiva à crise sanitária aplicando medidas eficazes e inovadoras. Assim que o número de casos de Covid-19 diminuiu e a vacina ficou disponível, este país começou a receber turistas vacinados sem haver necessidade de fazer quarentena ou testes adicionais. A Geórgia, e particularmente Tbilisi, é simultaneamente tradicional e moderna, de mente aberta, cosmopolita, multiétnica, verdadeiramente única e autêntica.

Freepik
Freepik
Esta ilha permaneceu na zona verde durante a pandemia por ter aplicado medidas sanitárias eficazes. A Madeira é já considerada como o destino mais seguro da Europa. Aqueles que foram vacinados ou têm um teste Covid-19 negativo podem ter uma experiência de sonho nesta ilha portuguesa.

Combinando segurança e lazer de qualidade, a Madeira é a escolha ideal para os viajantes que procuram relaxar e fazer atividades ao ar livre sempre em contacto com a natureza. O Governo português tem feito grandes esforços desde 2020 para garantir aos turistas uma estadia segura. E compromete-se também a reconhecer um passaporte de vacinação para os viajantes que desejem ficar em Portugal.

Freepik
Freepik
Sabias que o Corvo, uma das ilhas do arquipélago dos Açores, foi a primeira ilha do mundo onde toda a população já foi vacinada? Esta é uma das nove ilhas que compõe este arquipélago, que também é considerado um dos destinos mais seguros da Europa.

Um destino 100% natural, os Açores são a primeira escolha para as pessoas sensíveis ao turismo sustentável, à proteção e à observação da natureza. Muito menos afetados pela Covid-19 do que outras regiões da Europa, os Açores são uma escolha perfeita para umas férias seguras, quer esteja ou não vacinado. Se ainda não tiver sido vacinado, basta fazer um teste preliminar (menos de 72 horas antes do seu voo). Não é imposta quarentena, quer esteja vacinado ou tenha um teste negativo recente.

Freepik
Freepik
O seu sublime farol, o seu porto repleto de barcos de pesca, a sua fortaleza, os seus percursos pedestres para fazer caminhadas ou passeios de bicicleta e as suas praias sublimes. Estas são as boas razões para ficar em Rethymno, na Grécia, este verão.

Um destino natural e sustentável e ao mesmo tempo autêntico, rico em história e em património arqueológico. É também um destino gastronómico, perfeito para os amantes de belas praias. Agia Galini, Plakias, Bali, Adelianos Kampos estão entre as praias mais famosas de Rethymno. Além destas, destaca-se a "Preveli Heart Rock", uma praia onde se pode descobrir uma rocha em forma de coração.

Pixabay
Pixabay
Votada como um dos melhores destinos de 2021, Cefalônia é uma das mais belas ilhas gregas. Menos afetada pela Covid-19 do que outros países europeus, a Grécia rapidamente se estabeleceu como um destino seguro na Europa. É o país favorito para os turistas que procuram segurança e lazer.

Um dos grandes destaques desta ilha é o "Lago Melissani" classificado entre as melhores maravilhas da natureza da Grécia. Outro é a Praia Xi, uma praia de areia laranja classificada entre as mais belas do país.

Freepik
Freepik
A Islândia foi o primeiro país europeu a implementar um certificado de vacinação. A população tem direito a um certificado só depois de ter recebido as suas duas doses de vacina. A Islândia também reconhece os certificados de vacinação emitidos por outros países europeus (mais espaço Schengen).

Este verão, respirar o ar puro islandês pode ser uma opção. As suas praias de areia preta, lagoas encantadoras, geiseres incríveis e quedas de água esperam visitantes. Na Islândia, a natureza reina e é assim que deve sempre estar em qualquer ponto do planeta.

Unsplash
Unsplash
Cavtat é considerado um dos destinos mais seguros na Europa devido ao baixo número de casos da Covid-19, mas também pela sua proximidade aos aeroportos (em caso de repatriamento) e hospitais, pelas medidas sanitárias impostas por parte das autoridades e pela sua grande variedade de alojamentos.

Este destino é a escolha de muitas celebridades para recarregar as suas baterias, desfrutar de um bom restaurante, conhecer os locais, caminhar ou nadar nas águas cristalinas da região de Cavtat e Konavle.

Unsplash
Unsplash
A Espanha tem dado uma resposta inovadora à crise pandémica. Depois de um duro bloqueio, foram testadas outras formas de gerir a pandemia e o número de infeções diminuiu. A Ministra da Indústria, Comércio e Turismo de Espanha, Reyes Maroto, disse que o seu governo planeia introduzir passaportes ou certificados para vacinas nos corredores de viagem seguros que estão a definir. Este é, considera,"um elemento de mobilidade segura".

Com os bares e restaurantes ainda abertos, a Espanha é vista como um oásis de liberdade. Os espanhóis levam esta situação de saúde muito a sério e tentam implementar medidas aceitáveis e eficazes. Os números têm falado por si. Sevilha é uma garantia de sol e também de oferta gastronómica, ideal para mergulhar na mais autêntica cultura andaluza.

Freepik
Freepik
Para uma escapadela europeia segura, Atenas é uma escolha perfeita. A capital da Grécia é um destino que combina segurança e lazer, compras e cultura, seja em família ou com amigos. A cidade tem tudo: lojas, monumentos, restaurantes, cafés e a praia nas proximidades.

Unsplash
Unsplash
A Dinamarca e a Suécia foram pioneiras na obtenção do passaporte de vacinação que é utilizado para aceder a eventos (concertos, exposições, entre outros), ou para reservar uma mesa num restaurante.  Este passaporte também funciona como certificado de vacinação para viajar. O farol de Rubjerg Knude é um dos sítios emblemáticos da Dinamarca a esperar uma visita. Este farol teve de ser deslocado várias vezes. Perdido num oceano de areia, tem vista para o mar e está perto de magníficas praias de areia dourada com quilómetros de comprimento.