Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Endividamento da economia portuguesa sobe para 729,6 mil milhões (um recorde)

Banco de Portugal
Banco de Portugal
Autor: Redação

O endividamento da economia portuguesa aumentou para 729,6 mil milhões de euros em maio, revelou esta quinta-feira (18 de julho de 2019) o Banco de Portugal (BdP). Trata-se de um novo valor recorde.

“Em maio de 2019, o endividamento do setor não financeiro situava-se em 729,6 mil milhões de euros, dos quais 328,5 mil milhões de euros respeitavam ao setor público e 401,1 mil milhões de euros ao setor privado”, lê-se no site do BdP.

Segundo o banco central, face a abril de 2019, o endividamento do setor não financeiro aumentou 3,4 mil milhões de euros. Um crescimento que “resultou do incremento de 2,5 mil milhões de euros no endividamento do setor público e de 900 milhões de euros no endividamento do setor privado”.

A instituição liderada por Carlos Costa explica ainda que “a subida do endividamento do setor público resultou, sobretudo, do acréscimo do endividamento face às administrações públicas e ao setor financeiro, que foi parcialmente compensado pela diminuição do endividamento face ao setor não residente”.