Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Exportações de componentes automóveis batem recorde: 4.404 milhões no primeiro semestre

S. Hermann & F. Richter/Pixabay
S. Hermann & F. Richter/Pixabay
Autor: Redação

As exportações das 265 fábricas de componentes automóveis que laboram em Portugal atingiram um resultado recorde de 4.404 milhões de euros no primeiro semestre de 2019, mais 2,6% que no período homólogo. 

AFIA
AFIA

Os dados, revelados pela Associação de Fabricantes para a Indústria Automóvel (AFIA) e que têm por base dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), permitem concluir que “as vendas de componentes automóveis portugueses ao exterior aumentaram 72%” entre 2010 e 2019, “o que demonstra mais uma vez o contributo positivo desta indústria para a sustentabilidade de economia nacional”.

“Em relação aos destinos das exportações, a AFIA refere que estes mantêm também a mesma tendência, apresentando Espanha e Alemanha como os principais destinos, seguidos de perto pela França e Inglaterra. O conjunto destes quatro países representam 71% do total das exportações, estando os restantes 29% distribuídos por outros países europeus e outros de fora da Europa, como os EUA, Marrocos, China, México e Turquia”, lê-se no site da AFIA.