Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Fortunas que engordaram com as alterações climáticas

Em causa está uma lista compilada pela agência Bloomberg.

Elon Musk, CEO da Tesla / Gtres
Elon Musk, CEO da Tesla / Gtres
Autor: Redação

São milionários e viram as respetivas fortunas subir em flecha nos últimos anos graças a negócios relacionados com o combate às alterações climáticas. No top 10 deste ranking está, por exemplo, Elon Musk, CEO da Tesla. 

A lista em causa é composta, no entanto, por alguns nomes menos conhecidos, como por exemplo fundadores de algumas empresas chinesas. Entre eles estão quatro acionistas de uma gigante de baterias de veículos elétricos: Zeng Yuqun, Huang Shilin, Pei Zhenhua e Li Ping acumularam uma fortuna combinada de 16,7 mil milhões de dólares. 

Segundo a Bloomberg, entre as 10 maiores fortunas derivadas principalmente do crescente negócio de soluções climáticas está também o empresário australiano Anthony Pratt, que criou um património líquido de 6,8 mil milhões de dólares com reciclagem.

Com um património líquido combinado de 61 mil milhões de dólares no final de 2019 – cerca de três vezes a capitalização de mercado da empresa de serviços petrolíferos Halliburton –, os multimilionários dessa lista representam o surgimento de uma vanguarda super-rica no combate ao aquecimento global, refere a agência.

Estes são os milionários que constam na lista: