Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Energias renováveis

Últimas notícias sobre "Energias renováveis" publicadas em idealista.pt/news

Primeiro “Bairro Solar” de Portugal vai nascer no Belas Clube de Campo

A EDP Comercial e a Planbelas – imobiliária que promove e gere o empreendimento Belas Clube de Campo, nos arredores de Lisboa – lançaram, no Lisbon Green Valley, o primeiro “Bairro Solar, Comunidade de Autoconsumo Coletivo de Energias Renováveis (CACER)” de Portugal. O objetivo é promover a produção de energia a partir do sol e, por isso, 100% renovável, e o seu autoconsumo, gerando poupanças substanciais na fatura de eletricidade. 

Notícia sobre:

BEI e UCI disponíveis para financiar investimentos imobiliários ecológicos na Península Ibérica

O Banco Europeu de Investimento (BEI) e a Unión de Créditos Inmobiliarios (UCI) – instituição financeira presente em Espanha, Portugal, Grécia e Brasil – vão financiar investimentos ecológicos na Península Ibérica, um acordo que vai permitir à última instituição gerir uma carteira de financiamento verde de pelo menos 100 milhões de euros em Portugal e Espanha.

Notícia sobre:

Fortunas que engordaram com as alterações climáticas

São milionários e viram as respetivas fortunas subir em flecha nos últimos anos graças a negócios relacionados com o combate às alterações climáticas. No top 10 deste ranking está, por exemplo, Elon Musk, CEO da Tesla. 

Notícia sobre:

Portugal (muito) perto de atingir metas de renováveis para 2020

Cerca de 18% do total de energia consumida na União Europeia, em 2018, veio de fontes de energia renováveis, segundo os dados recentes do Eurostat – acima dos 17,5% em 2017 e mais do dobro que em 2004, onde apenas 8,5% da energia era proveniente destas fontes. Portugal está muito perto de alcançar a meta fixada para 2020, mas ficou atrás do objetivo por um ponto percentual.  

Notícia sobre:
Com grandes janelas

Esta casa produz energia suficiente para funcionar e carregar a bateria de um carro elétrico

Notícia sobre:

Deco Alerta: Tudo o que precisas de saber sobre a instalação de painéis solares em casa

Os portugueses parecem estar cada vez mais atentos à importância das energias renováveis. No artigo de hoje da rubrica semanal Deco Alerta, destinada aos consumidores em Portugal e assegurada pela Deco – Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor para o idealista/news, explicamos-te tudo sobre a instalação de painéis solares em casa. 

Notícia sobre:
Um projeto do arquiteto Rolf Disch

Esta “villa” solar na Alemanha produz quatro vezes mais eletricidade do que consome

Em 2000, a Alemanha aprovou uma lei que “obrigava” as empresas de eletricidade a pagar uma determinada quantia a todas as pessoas que decidissem instalar painéis solares nas suas casas para consumo próprio. A energia excedente seria, depois, vendida à rede. A adesão à instalação de painéis foi tão grande que atualmente 30% da energia elétrica vem de fontes renováveis.

Notícia sobre:

Portugal faz parte do maior contrato de compra de energia solar do mundo

O grupo energético Audax e a COX Energy assinaram o maior acordo de compra de energia solar do mundo. Um contrato no valor de 400 milhões de euros que prevê um volume total de 660 MW de potência instalada – 495 MW em Espanha e 165 MW em Portugal –, suficiente para satisfazer o consumo de cerca de 400.000 casas utilizando só energia renovável ou verde.

Notícia sobre:

Lítio português quer atrair investimento estrangeiro

Portugal tem lítio e quer promovê-lo. O secretário de Estado da Energia foi até ao Canadá para participar na Cimeira de Ministros Internacionais de Minas, que reúne mais de 3.800 investidores presentes em 130 países. O objetivo é atrair investidores estrangeiros para "potenciar a produção de baterias" através do lítio.

Notícia sobre:

EDP Renováveis vai fornecer energia eólica à Nestlé nos Estados Unidos

Nos próximos quinze anos as cinco fábricas da Nestlé localizadas nos EUA serão alimentadas pela energia da EDP Renováveis. A empresa suíça, Nestlé, quer que 20% da eletricidade total que a empresa gasta em território norte-americano seja proveniente de fontes renováveis já em 2019.

Notícia sobre: