Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Ainda há mais mortes que nascimentos em Portugal

INE
INE
Autor: Redação

Em 2019, o saldo natural entre nascimentos e óbitos manteve-se negativo (-25.200), mas reduziu comparativamente ao ano anterior (26.031). Em causa estão dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

“Em 2019 registaram-se em território nacional 87.000 nados-vivos e 112.253 óbitos. O número de nados-vivos de mães residentes em Portugal foi 86.557, menos 0,5% em relação a 2018. O número de óbitos de residentes em Portugal foi 111.757, menos 1,1% que em 2018”, conclui o INE

De referir que o mês de setembro foi o mais “ativo” do ano passado em termos de nascimentos (8.054). No que diz respeito a óbitos, foi em janeiro que morreram mais pessoas em Portugal (12.883).