Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Fins de semana de três dias? Microsoft fez experiência no Japão e... produtividade aumentou 39.9%

Sucesso da iniciativa leva multinacional norte-americana a ponderar repetir a experiência no próximo ano.

Wikimedia commons
Wikimedia commons
Autor: Redação

Durante um mês, em agosto de 2019, os 2.300 trabalhadores da Microsoft do Japão tiveram direito a fins de semana de três dias, folgando à sexta-feira. E apesar da semana de trabalho ser mais curta, apenas de quatro dias, a produtividade aumentou 39,9%. 

Os resultados desta experiência – trata-se de um Projeto de Reforma Laboral chamado “Work-Life Choice Challenge Summer 2019” – já são conhecidos. E são surpreendentes: além do aumento da produtividade, a empresa poupou 23,1% em eletricidade e os funcionários tiraram menos 25,4% de dias de férias num mês, escreve o Daily Mail. 

Segundo a publicação, a produtividade aumentou com menos dias de trabalho devido a vários fatores, como por exemplo a redução ou eliminação da duração das reuniões e o facto de algumas das mesmas terem acontecido de forma virtual e não cara-a-cara. 

“Feitas as contas”, 92,1% dos 2.300 funcionários que participaram na experiência mostraram-se satisfeitos com a mesma e com o facto de trabalharem apenas quatro dias por semana. Perante o sucesso da iniciativa, a Microsoft pondera repetir a mesma no próximo ano.