Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Luz verde para a construção da praia artificial de Alovera, a maior da Europa

A responsável pelo projeto é a Rayet Construcción SA.

Foto: Alovera Beach
Foto: Alovera Beach
Autor: Carlos Lospitao

A Direção-Geral da Economia Circular de Castilla-La Mancha emitiu uma resolução na qual refere que o projeto de construção da Praia da Alovera (em Espanha), considerada a maior praia urbana artificial da Europa e a primeira de uso público, não carece de Avaliação de Impacto Ambiental Ordinária, uma vez que, ao que tudo indica, não terá efeitos significativos no meio ambiente, segundo diz a La Nueva Alcarria. O projeto prevê um parque de lazer cujo elemento principal é um grande lençol de água de 20.641,88 m2 e um volume de água aproximado de 35.500 m3, com zona balnear e desportos náuticos, rodeado por uma praia urbana de 16.888,90 m2. O responsável pelo projeto é a Rayet Construcción SA, e tem um orçamento estimado de 15 milhões.

O grupo divide o projeto com a Crystal Lagoons, uma empresa especializada na construção de praias artificiais em todo o mundo. A própria Crystal Lagoons, por exemplo, tem projetos semelhantes no Chile, México, Egito, Jordânia, Panamá, Peru, Dubai ou Arábia Saudita. Existe até uma piscina semelhante na cidade de Casares (Andaluzia), em Málaga, com 1,5 hectares. O complexo em Alovera, neste caso, contará com estacionamento, áreas para a prática de desportos náuticos como vela ou surf, piscinas infantis, e diversos espaços de restauração. Além disso, está prevista a criação de mais de 300 empregos diretos e indiretos.

A empreitada pode durar um ano e meio, embora não se saiba quando irão arrancar as primeiras obras. O espaço irá apresentar dois níveis. O primeiro é o nível de acesso. Nele serão instalados o estacionamento, a praça de acesso, a praça central e alguns dos principais edifícios como controlo de acesso, administrativo, loja, escritórios, vestiários, armários, ginásio e enfermaria. No piso inferior serão desenvolvidos a área de eventos, armazém, instalações sanitárias, zona ajardinada e o grande lençol de água. O areal da praia, com ligeiro declive de 2%, servirá de ligação entre os dois níveis.