Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Banco Popular Portugal engorda lucros com venda de negócio imobiliário

Autor: Redação

O Banco Popular Portugal deixou de fazer a gestão direta de ativos imobiliários e do crédito a clientes associados ao setor imobiliário, tendo vendido a sua unidade deste negócio à sociedade Primestar. Com esta operação, concretizada em 2015, o banco de origem espanhola conseguiu melhorar os resultados do ano passado no mercado português, tendo engordado os lucros

O resultado líquido do Banco Popular Portual subiu assim de 2,3 milhões de euros em 2014 para 13,3 milhões de euros, segundo um comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), citado pelo Jornal de Negócios.

No mesmo ano em que esteve na corrida pelo Banif, que perdeu para o Santander Totta, a instituição registou uma quebra de 3,9% da margem financeira, que se fixou em 119,8 milhões de euros no ano passado, devido às baixas taxas de juro. E também as comissões reduziram-se em 10,5%, para 49,9 milhões de euros.

Com uma má performance nestas componentes que formam o produto bancário, o banco conseguiu, porém, ganhar 21,2% neste indicador, para 208,6 milhões de euros, no ano passado, graças a "outros resultados de exploração".

Isto "resultou da venda da unidade de negócio responsável pela gestão de activos imobiliários e de exposições creditícias de clientes associadas ao sector imobiliário do Banco Popular Portugal para a sociedade Primestar, S A, participada em 20% pelo Banco Popular Espanol", explica o banco, segundo indica ainda o diário.