Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Hugo Pires gere imobiliárias, mas pode ser coordenador do PS para a habitação

Autor: Redação

O Parlamento considera que Hugo Pires pode assumir a coordenação do grupo de trabalho parlamentar sobre habitação, como substituto de Helena Roseta, que se demitiu do cargo. Isto apesar de o deputado socialista gerir duas empresas de imobiliário. A decisão foi tomada pela subcomissão de ética da Assembleia da República, a quem o próprio solicitou um parecer sobre a compatibilidade entre a sua atividade empresarial e o exercício da presidência deste grupo de trabalho.

O pedido para que fosse emitido um parecer, segundo noticia o ECO, foi feito logo após a sua nomeação como novo coordenador deste grupo de trabalho, na mesma altura em que o Diário de Notícias avançou que Hugo Pires gere duas empresas do setor imobiliário.

Esta terça-feira, já depois de conhecido o parecer da subcomissão de ética da Assembleia da República, Hugo Pires conduziu a sua primeira reunião do grupo de trabalho da habitação, anunciando que esta subcomissão não verificou qualquer incompatibilidade e que, portanto, irá assumir o cargo, conta ainda o jornal.

A informação consta da declaração de interesses entregue pelo deputado à Assembleia da República: as duas empresas em causa são a CRIAT — uma unipessoal cujo capital detém a 100% e da qual é gerente, que presta serviços de arquitetura, engenharia e construção — e a CRIAT Imobiliária, que controla a 50% e que presta serviços de compra e venda de imobiliários.