Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Pagar o IMI: mais de quatro milhões de proprietários receberam nota de cobrança

O pagamento – da sua totalidade ou da primeira prestação - deverá ser efetuado até dia 31 de maio.

Foto de Carlos Pernalete Tua no Pexels
Foto de Carlos Pernalete Tua no Pexels
Autor: Redação

Mais de quatro milhões de proprietários foram chamados a pagar o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) referente ao ano passado. Segundo o Fisco, registou-se um acréscimo de 3,5% face a 2020, isto é, foram emitidas mais 137.227 notas de liquidação para o pagamento deste imposto.

Segundo as estatísticas das Finanças, divulgadas pelo Dinheiro Vivo, quase um quarto dos proprietários – 920.660 contribuintes – recebeu uma fatura de IMI até 100 euros, que deve ser paga integralmente numa única prestação até ao final deste mês de maio. Trata-se de um aumento de 2,3%, nesta categoria.

De acordo com a publicação, o maior crescimento verificou-se no segundo escalão, entre 100 e 500 euros de imposto, montantes que podem ser pagos em duas prestações (maio e novembro). Neste caso foram emitidas 2.431.731 notas, mais 4,7% que no ano anterior. Acima de 500 euros – o imposto pode ser pago em três prestações, nos meses de maio, agosto e novembro - foram emitidas 670.508 notas de liquidação.