Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Londres: arranha-céus Gherkin à venda por mais de 800 milhões (fotos)

Wikimedia commons
Wikimedia commons
Autor: Redação

Um dos edifícios mais emblemáticos de Londres, o Gherkin (“Pepino”), está no mercado e acredita-se que pode ser comprado por um investidor estrangeiro. O arranha-céus de 40 andares, o sétimo mais alto da cidade (180 metros), está em liquidação desde abril, e os agentes nomeados para o vender estão recetivos a propostas que rondem os 650 milhões de libras (820 milhões de euros). 

O negócio está a ser gerido pelas consultoras imobiliárias Savills e Deloitte, que têm indicações para vender o icónico arranha-céus de 46.900 metros quadrados (m2) o quanto antes. Para tal, criaram um site no qual os interessados se podem registar, sendo que têm de fazê-lo até 16 de agosto. Segundo Stephen Down, do departamento de investimento da Savills em Londres, o objetivo é que a transação fique concluída no máximo até início de outubro.  

O edifício, que está localizado na St. Mary Axe, foi desenhado pelo conceituado arquiteto Norman Foster e inaugurado em 2004. Tem atualmente cerca de 20 inquilinos, entre os quais a seguradora Swiss Re, a antiga proprietária do edifício.