Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Esta casa pré-fabricada de madeira na Alemanha foi construída para ser um exemplo

Está na Alemanha
Exterior da casa / Alfredo Häberli
Autor: Vicent Selva (colaborador do idealista news)

Um dos materiais mais utilizados ao longo da história para construir casas foi a madeira. A partir do momento em que o ser humano começou a criar raízes, há mais de 8.000 anos, com a chegada do neolítico, a madeira tornou-se na principal protagonista, utilizada em construções de todos os tipos. Um cenário que durou milhares de anos, até que, com o tempo, o surgimento de novos materiais, mais fortes e mais robustos, como cimento ou aço, acabaram por substituí-la. Ainda assim, este material nunca deixou de ser usado, mas é quase um elemento secundário.

Atualmente, este material natural e orgânico virou moda (outra vez). E isso é latente nos novos designs que aparecem todos os dias no setor de arquitetura. Projetos muito diferentes, mas nos quais o uso da madeira é o ponto em comum.

Alfredo Häberli, é um dos profissionais que colaborou no relançamento da madeira como material de construção. As suas obras são variadas, sendo que o artista fez desenhos e objetos muito diferentes, desde sapatos e jóias a todos os tipos de móveis. Mas uma das suas obras-primas foi, precisamente, uma casa que nasceu como uma experiência e com o objetivo de tornar-se um modelo, de uma perspetiva sustentável, na qual a madeira iria retomar o papel de liderança que tinha no passado. 

Haussicht é o nome do  projeto, que se materializou em 2016 na Alemanha, em colaboração com a Baufritz, uma empresa especializada em construção em madeira. O edifício tem duas partes distintas. Por um lado, a casa principal; por outro, um 'Stöckli', uma pequena e típica construção suíça que serve de residência para agricultores aposentados. Uma das principais características reside no facto de estar projetada para adaptar-se às necessidades de uma família.

Feita quase inteiramente com uma “paleta” de carvalho, alumínio, pedra e mármore - a casa é semelhante à forma de uma arca, distribuída em dois andares. Do lado de fora, destacam-se os painéis verticais de madeira revestida de cinza com superfícies angulares, envoltos por um grande terraço e cobertos com um telhado inclinado.

O interior, por outro lado, oferece uma sensação típica de calor das casas escandinavas. O andar superior é uma área muito espaçosa em que a luz natural entra facilmente. Aqui pode encontrar-se a cozinha, a sala de jantar e uma varanda frontal.

Com seu Haussicht, Häberli queria quebrar os estereótipos associados às casas pré-fabricadas de madeira e ecológicas e criar um modelo que inspirasse arquitetos e designers do futuro. "Eu queria torná-la um pouco mais elegante, um pouco mais atraente. Acho que esse é o caminho para convencer o público a comprar um design sustentável".