Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Remodelar ou decorar a cozinha? 5 regras para triunfar na nova década

Photo by William on Unsplash
Photo by William on Unsplash
Autor: Redação

Muitas coisas boas foram surgindo ao longo dos anos em termos de decoração. Mas há algumas que queremos deixar para trás, sobretudo se estivermos a falar de cozinhas. Se 2020 for um ano de mudança, e decidires mudar esse espaço lá em casa, vê se aquilo que queres fazer se encaixa na nova década. A designer e arquiteta nova-iorquina Anjie Cho partilhou com o Apartment Therapy as cinco regras que já não precisas mesmo de seguir.

O triângulo de trabalho

O triângulo de trabalho - também conhecido como a ideia de que o lava loiça, o frigorífico e o fogão devem ficar espaçados de forma equilibrada – há muito tempo que é considerado o padrão de ouro dos layouts de cozinha eficientes. Mas nem sempre é possível fazê-lo, ou sequer necessário. Nos espaços pequenos, diz Cho, é mais importante maximizar as superfícies de trabalho em geral que conseguir a configuração perfeita do lava louça – fogão – frigorífico.

O triângulo de trabalho
É importante quebrar padrões / Photo by Sidekix Media on Unsplash

A designer aconselha armários de frente aberta, em vez dos caros e personalizados com gavetas e divisórias, que podem aumentar o espaço, mas que na verdade limitam a flexibilidade do armazenamento.

Cozinhas totalmente brancas

As cozinhas brancas serão sempre um clássico, mas as pessoas estão a explorar novamente as cores. Segundo Cho, os designers estão a escurecer os espaços e a utilizar o preto nos armários, indicando o azul marinho como cor em ascensão.

Cozinhas totalmente brancas
O azul é uma cor em ascensão / Photo by Sidekix Media on Unsplash

"A última cozinha branca que fiz foi porque os meus clientes estavam a pensar vender a casa em breve, então queriam seguir um caminho seguro", diz Cho. “O branco é seguro, mas o preto também é intemporal.”

Apenas pavimento rijo

Não há qualquer problema em acrescentar um pouco de suvidade sob os pés, mesmo numa cozinha. Os tapetes dão cor e aconchego a uma cozinha e até podem servir para camuflar manchas ou proteger o pavimento (por exmplo de madeira). Claro que o ideal é ficar longe de tapetes brancos e cores claras.

Apenas pavimento rijo
Os tapetes dão cor e aconchego a uma cozinha / Photo by Rustic Vegan on Unsplash

Layouts totalmente abertos

O arejado conceito de cozinha aberta fez furor, mas as tendências dizem que estão a voltar as cozinhas fechadas e semi-fechadas. Na verdade, diz a designer, as portas e paredes ajudam a impedir, por exemplo, que os odores cheguem ao resto da casa e “esconder” uma ou outra coisa menos arrumada quando os convidados chegam.

Layouts totalmente abertos
Uma tendência que está a mudar / Photo by Becca Tapert on Unsplash

Todos os eletrodomésticos

Talvez não precisemos de ter todos os eletrodomésticos do mundo na cozinha. A designer dá o exemplo do microondas, que estão a tornar-se cada vez menos comuns."Visualmente eles não são muito agradáveis e muitas pessoas dizem que simplesmente já não usam microondas", refere a especialista, aconselhando a trocar o microondas pelo forno para aquecer os alimentos, economizar espaço e obter uma aparência geral mais limpa

Todos os eletrodomésticos
O melhor será deixar apenas o forno e esquecer o microondas / Photo by Camylla Battani on Unsplash