Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Douro River Hotel e Aquapura Douro Valley reabrem no verão com nova gestão, após insolvências

Hotel Aquapura Douro Valley, Portugal
Autor: Redação

Dois hotéis de luxo. Dois processos de insolvência. Dois novos donos. O Douro River Hotel e o Aquapura Douro Valley, situados no concelho de Lamego, depois de momentos difíceis, foram comprados e vão agora reabrir com nova gestão.

O Douro River, inaugurado em 2009, fechou devido a um processo de insolvência, sendo depois adquirido pelo grupo Vila Galé que já anunciou a sua reabertura para o dia 30 de maio, escreve o Expresso,.

O investimento da Vila Galé foi de 2,5 milhões de euros e a reabertura implica a criação de 20 postos de trabalho.

Já o Aquapura Douro Valley, um investimento de 20 milhões de euros promovido por um grupo de empresários de Lisboa em que pontificavam Diogo Vaz Guedes e António Mexia, tem reabertura prevista para julho, depois de a sua gestão ter passado para o grupo tailandês Six Senses.

A unidade hoteleira foi alvo de um PER, em 2013, altura em que passou para um fundo de turismo da Explorer Investments. Embora a unidade continue a pertencer ao fundo Discovery, o hotel vai passar a ser gerido pelo grupo tailandês Six Senses, que inicia pelo Douro a sua operação hoteleira na Europa. O grupo conta com 12 unidades.