Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

O que é a pré-aprovação do crédito à habitação?

É neste momento que o banco irá analisar o perfil de quem pediu dinheiro emprestado para comprar casa. Especialistas explicam em que é que consiste.

Photo by Ryan Quintal on Unsplash
Photo by Ryan Quintal on Unsplash
Autor: Redação

Comprar casa é um processo longo e demorado, e que envolve, claro, várias etapas. Quem decidir recorrer a um banco para obter financiamento deve saber, por exemplo, quais são as fases pelas quais passa a aprovação de um crédito à habitação. A pré-aprovação, neste caso, é a resposta imediata do banco após analisar uma série de dados económicos básicos, com os quais identifica se a pessoa em questão é elegível para a concessão de um empréstimo.

Uma pré-aprovação não é vinculativa, "pelo que o banco não é obrigado a conceder-te o empréstimo", explicam desde o idealista/creditohabitação. Para uma decisão vinculativa "terás de apresentar documentação que comprove a tua identidade e a tua situação financeira, com a qual o departamento de risco emitirá a sua decisão de modo formal", acrescentam ainda.

Este documento servirá, de resto, como orientação para escolheres uma casa dentro das tuas possibilidades e conheceres a respetiva prestação do crédito à habitação. O pedido de pré-aprovação poderá servir de prova junto do vendedor, mostrando que tens capacidade financeira para comprar o imóvel, por exemplo. 

"Recordamos-te que os bancos financiam, em regra, até 90% do preço de venda, pelo que deves contar com poupanças para avançar para a aquisição. Adicionalmente, o teu rendimento deve ser, pelo menos, 3 vezes superior à prestação mensal do crédito habitação", lembram ainda os especialistas.

Outros critérios de risco são: idade, prazo do empréstimo, situação laboral, entre outros, como já explicámos aqui.