Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

CGD baixa juros nos depósitos – deixa de pagar quando renderem menos de um euro

Autor: Redação

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) vai rever em baixa as taxas de juros dos depósitos poupança a partir do dia 1 de agosto – trata-se de uma quebra de 70% em relação às taxas em vigor. O banco público anunciou ainda que vai deixar de pagar juros sempre que o valor bruto for inferior a um euro, quer nos depósitos poupança quer nos depósitos a prazo.

“A Caixa vai atualizar em baixa, a partir de 1 de agosto de 2019, as taxas de juro dos Depósitos Poupança. Esta alteração produzirá efeitos na data de renovação”, explica o banco liderado por Paulo Macedo numa carta que está a ser enviada aos clientes, citada pelo Eco.

Além disso, e a partir da mesma data, “será alterada a regra de pagamento de juros nos Depósitos a Prazo e Depósitos Poupança, pelo que não serão pagos juros sempre que o valor ilíquido dos juros calculados seja inferior a um euro“, acrescenta ainda a CGD no mesmo documento.

Em causa estão as contas Caixa Poupança Reformado, Caixa Poupança, Caixa Poupança Emigrante, Caixa Projecto e Caixa Poupança Superior, que vão passar a dar um juro anual de 0,03% ao invés de 0,1%. Os cortes vão mais longe no caso do depósito Poupança Caixa Família Mais, que vai passar a render 0,03% ao ano em vez dos atuais 0,3%.