Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Juros

Últimas notícias sobre "Juros" publicadas em idealista.pt/news

Que consequências estão a ter na economia as taxas de juro negativas da Europa?

O crescimento económico global está a desacelerar e as taxas de juro negativas continuam… negativas. Um cenário, de taxas de juro abaixo de zero, que merece cada vez mais críticas.

Notícia sobre:

Euribor negativa: bancos devolveram 1,8 milhões de euros aos clientes num ano

A banca está, desde há um ano, obrigada por Lei a compensar os clientes com crédito à habitação sempre que se registem taxas Euribor negativas. E, neste período, foram devolvidos já cerca de 1,8 milhões de euros, segundo os cálculos da associação para a defesa do consumidor Deco. Este valor corresponde ao diferencial negativo que os bancos têm de pagar aos clientes nos contratos em que o cálculo resulte em juros abaixo de zero.

Notícia sobre:

Prestação da casa desce em julho com ajuda de Draghi - como vai ser com Lagarde?

O mês que acaba de arrancar veio com boas notícias para muitas das famílias que têm um crédito à habitação. O valor da prestação a pagar ao banco pelos clientes com empréstimos da casa, indexados às Euribor a três e a seis meses, desce agora em julho, face às últimas revisões. Esta revisão em baixa foi influenciada pela intenção de Mário Draghi, recentemente manifestada em Sintra, de introduzir novos estímulos à economia, incluindo a descida dos juros, o que acabou por arrastar as Euribor para novos mínimos históricos. 

Notícia sobre:

CGD baixa juros nos depósitos – deixa de pagar quando renderem menos de um euro

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) vai rever em baixa as taxas de juros dos depósitos poupança a partir do dia 1 de agosto – trata-se de uma quebra de 70% em relação às taxas em vigor. O banco público anunciou ainda que vai deixar de pagar juros sempre que o valor bruto for inferior a um euro, quer nos depósitos poupança quer nos depósitos a prazo.

Notícia sobre:

Juros na prestação da casa em máximos de três anos

Fevereiro ficou marcado por uma das subidas mais significativas nas taxas de juro implícitas nos novos contratos de crédito à habitação registadas desde meados de 2016.

Notícia sobre:

Juros no crédito à habitação em máximos de agosto de 2016

A taxa de juro implícita no conjunto dos contratos de crédito à habitação aumentou em janeiro para 1,054%, o valor mais alto desde agosto de 2016. Já a prestação média vencida manteve-se em 244 euros.

Notícia sobre:

Bancos vão compensar 31.000 clientes por Euribor negativas nos empréstimos da casa

Cerca de 31.000 clientes com crédito à habitação nos cinco principais bancos portugueses – CGD, BCP, BPI, Novo Banco e Santander Totta – irão beneficiar de uma redução no capital em dívida do empréstimo da casa, face à lei que obriga os bancos a aplicarem juros negativos.

Notícia sobre:

... e é obrigada a devolver Euribor negativa a 18.000 clientes

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) vai ter um custo anual de 1,2 milhões de euros com a aplicação da nova lei que obriga os bancos a deduzir os juros negativos no crédito à habitação, tendo até 30 de julho para rever o indexante de cálculo da taxa de juro dos créditos. No total, o banco do Estado terá de compensar cerca de 18.000 clientes, tendo optado por descontar as Euribor negativas ao capital em dívida.

Notícia sobre:

Taxa de juro no crédito à habitação sobe em janeiro. E prestação também...

A taxa de juro implícita no conjunto dos contratos de crédito à habitação aumentou de 1,019% em dezembro de 2017 para 1,024% em janeiro de 2018. Diminuiu, no entanto, nos contratos celebrados nos últimos três meses, para 1,595%. No que diz respeito à prestação média vencida, subiu um euro em relação ao mês anterior, fixando-se em 240 euros.

Notícia sobre: