Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Devedores têm em média dois créditos e relacionam-se com dois bancos

Banco de Portugal contabiliza atualmente 11 milhões de contratos ativos no montante de 25.000 milhões de euros.

mohamed Hassan/Pixabay
mohamed Hassan/Pixabay
Autor: Redação

Cada devedor tem em média dois contratos de crédito e relaciona-se com dois bancos, segundo dados do Banco de Portugal (BdP), que contabiliza atualmente 11 milhões de contratos ativos no montante de 25.000 milhões de euros.

Em causa estão dados revelados pelo diretor de departamento de Estatística do BdP, António Marques Garcia, que disse estar preocupado com o facto do crédito concedido nos últimos meses estar a acelerar e dos novos contratos estarem a ter um prazo mais elevado que no passado.

“A ideia que consigo antecipar é que, muito provavelmente, a descida da variação anual do 'stock' de crédito não vai continuar”, referiu, durante uma conferência realizada em Lisboa e organizada pela Associação de Instituições de Crédito Especializado (ASFAC).

Segundo a Lusa, que se apoia nos dados divulgados por António Marques Garcia, com base nas últimas estatísticas conhecidas de setembro, cada devedor tem dois contratos e relaciona-se 1,8 bancos, num total de 11 milhões de contratos ativos, a uma média de 226 mil novos contratos mensais e que correspondem ao montante 25 mil milhões de euros.

Do total do 'stock', 56% dos contratos foram comercializados ao balcão, sendo que oito instituições do mercado têm mais de dois terços dos empréstimos concedidos.

A taxa de incumprimento de empréstimos ao consumo e outros fins é de 9,9%, isto é, segundo os dados do BdP, um em cada 10 devedores tem empréstimos vencidos.