Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Operação da Mercadona à lupa: exporta para Espanha 90% das compras a fornecedores nacionais

Mercadona
Mercadona
Autor: Redação

A Mercadona exporta atualmente 90% das suas compras a fornecedores comerciais portugueses para Espanha, onde tem mais de 1.600 lojas. Em 2019, a empresa adquiriu 126 milhões de euros em produtos nacionais, mais 43% que em 2018, ano em que fez compras no valor de 88 milhões de euros. Além das lojas de Espanha, os produtos destinam-se também às lojas em Portugal, onde a Mercadona tem 10 lojas e prevê abrir este ano outras 10, nos distritos de Aveiro, Porto e Viana do Castelo.

Mercadona
Mercadona

A empresa revela, em comunicado, que tem mais de 300 fornecedores portugueses e que desde 2016, ano em anunciou a sua entrada em Portugal, já comprou 329 milhões de euros a fornecedores comerciais nacionais. 

“A fruta, os laticínios e o peixe são alguns dos exemplos de produtos comprados no nosso país. Por exemplo, em 2019, a empresa comprou 1.160 toneladas de pera rocha, 3.795 toneladas de maçã royal gala e 2.350 toneladas de maçã golden a fornecedores portugueses como Cooperfrutas, Frutas Cruzeiro, Patrícia Pilar, Global Fruit, Lusopera ou Frutitaipina. No mesmo ano, a Mercadona comprou também 22 toneladas de banana da Madeira”, lê-se no documento.

Mercadona
Mercadona

Nos Açores, a Mercadona tem trabalhado com a Lactaçores, à qual adquire manteiga e leite para as lojas de Portugal, e vários tipos de queijo, como o queijo flamengo ou o queijo da ilha, para as lojas de Portugal e Espanha, adianta a empresa, acrescentando que comprou, no ano passado, 127.000 quilos de queijo e cerca de 30.000 litros de leite nos Açores, além do comprado em Portugal continental. 

Relativamente às compras em lotas portuguesas, a Mercadona comprou, em 2019, cerca de 1.500 toneladas de peixe nas lotas de Matosinhos, Aveiro, Peniche, Sesimbra, Olhão, Quarteira e Portimão.

“No total de compras realizadas pela Mercadona em Portugal a fornecedores portugueses em 2019, entre os quais se contam fornecedores comerciais, de serviços e de transportes, o valor ultrapassa os 217 milhões de euros”, revela a empresa.

Mercadona
Mercadona