Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Mais de metade dos portugueses (e dos europeus) têm excesso de peso

56% da população portuguesa tinha excesso de peso em 2019, segundo dados do Eurostat.

Mais de metade dos portugueses (e dos europeus) têm excesso de peso
Eurostat
Autor: Redação

Mais de metade (53%) dos cidadãos da União Europeia (UE) têm excesso de peso, um problema que afeta sobretudo os residentes em Croácia e em Malta (65%). Portugal encontra-se também acima da média europeia, com 56%, segundo dados divulgados recentemente pelo Eurostat relativos ao ano de 2019.

De acordo com o gabinete de estatísticas europeu, é em Itália (46%) que há menos pessoas com excesso de peso. França e Luxemburgo, com 47% e 48%, respetivamente, completam o pódio dos países onde há menos pessoas com excesso de peso. 

De referir que 45% dos cidadãos adultos que vivem nos países da UE têm um peso considerado “normal” enquanto 53% estão acima do peso ideal. Entre os que têm excesso de peso, 36% são considerados obesos enquanto 17% estão num dos estágios da obesidade: leve, grave ou extremo.

Em todos os estados-Membros da UE, a percentagem de homens com excesso de peso é superior à das mulheres, sendo que as maiores diferenças ocorrem no Luxemburgo (59% Vs 38%), na República Checa (70% Vs 51%) e em Chipre (59% Vs 41%).