Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

“Operação” modernizar Macedo de Cavaleiros: estão em curso obras no valor de quase 13 milhões

Em causa estão projetos cofinanciados por fundos europeus.

Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros
Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros
Autor: Lusa

A Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros, no distrito de Bragança, tem em curso e a concurso obras no valor de 12,9 milhões de euros. Em causa está um conjunto de empreitadas que “se perspetiva que no final do mês de julho estejam em concursos, adjudicadas ou em fase de conclusão”, e que terão necessidade de mão de obra. 

Segundo Benjamim Rodrigues, presidente da autarquia, os efeitos destes investimentos já se fazem sentir com algumas das empresas a quem têm sido adjudicadas empreitadas à procura de trabalhadores, já que a construção civil continua a debater-se com o problema da falta de mão de obra face ao volume de obras em curso.

No pacote global de quase 13 milhões de euros de investimentos encontram-se obras como a requalificação do edifício dos Paços do Concelho, orçadas em cerca de 489.000 euros, a reabilitação do Mercado Municipal, com quase 1,9 milhões de euros, mais de 400.000 euros para a requalificação do Largo da Estação e um valor superior a 475.000 euros destinados à rua Eça de Queirós, escreve a Lusa.

As obras em causa encontram-se em concurso público e o presidente do município prevê abrir este procedimento também nos próximos dias para a empreitada de requalificação da envolvente ao Mercado Municipal, um projeto de mais de meio milhão de euros.

Nos planos da autarquia estão também 142.000 euros para reforçar o abastecimento de água e construir Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) em aldeias como Nozelos, Bornes ou Sobreda.

Uma das empreitadas de valor mais avultado, cerca de 1,5 milhões de euros, é a já anunciada para o Parque Urbano da cidade de Macedo de Cavaleiros e a adiada central de camionagem com 1,2 milhões de euros.

O executivo reformulou o projeto que tinha herdado da gestão anterior e promete agora um Interface Rodoviário “com dignidade para revitalizar” a zona da cidade onde ficará instalado.

Em curso estão também os trabalhos de requalificação do Bairro de São Francisco Assis, com duas fases para a execução e um investimento global de dois milhões de euros.

A Escola Secundária de Macedo de Cavaleiros terá também obras no valor de 600.000 euros e estão ainda previstos 383.000 euros para a pavimentação de vários arruamentos no concelho e para a construção da estrada entre o Lombo e Balsamão.

Trata-se de projetos cofinanciados por fundos europeus com que o autarca pretende “modernizar” Macedo de Cavaleiros e tornar o concelho mais atrativo para a fixação de pessoas.