Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Sonae Capital vende hotel Aqualuz no Algarve por 20,65 milhões

A empresa vendeu o ativo imobiliário no qual opera a unidade hoteleira ao fundo Imofomento, do BPI.

AQUALUZ LAGOS HOTEL & APARTMENTS
AQUALUZ LAGOS HOTEL & APARTMENTS
Autor: Redação

A Sonae Capital acordou a venda do ativo imobiliário onde opera a unidade hoteleira Aqualuz – Suite Hotel Apartamentos, em Lagos, no Algarve, ao fundo Imofumento (gerido pelo BPI), por 20,65 milhões de euros. A operação foi realizada através da Bloco Q, subsidiária da Sonae Capital, que espera assinar a escritura de compra e venda ainda este ano.

“A Sonae Capital, SGPS, S.A. (Sonae Capital) informa que, através da sua participada Bloco Q, Sociedade Imobiliária, S.A., chegou a acordo com o Fundo de Investimento Imobiliário Aberto Imofomento, relativamente aos termos e condições para proceder à alienação, pelo valor de 20,650 milhões de euros, do ativo imobiliário no qual opera a unidade hoteleira Aqualuz - Suite Hotel Apartamentos”, lê-se no comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Segundo o documento, esta “operação enquadra-se na estratégia da Sonae Capital de venda de ativos não core, cuja finalidade é potenciar o crescimento do seu portefólio e manter uma estrutura de capital adequada à tipologia de negócios e activos detidos pelo Grupo”.

A empresa adianta ainda que o “impacto estimado nos capitais próprios do Grupo Sonae Capital, com a venda deste ativo imobiliário, se situa em aproximadamente, -1,9 milhões de euros”, e refere que a escritura de compra e venda “será efetuada previsivelmente durante o ano de 2020”.